OPINIÃO
22/06/2014 13:18 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:44 -02

Football, Soccer ou Sepak Bola? Os nomes podem variar mas a paixão é a mesma

Mas de onde vem exatamente a palavra "soccer"? O pesquisador Stefan Szymanski publicou um paper no qual procura dar a explicação definitiva. Segundo ele a primeira menção à palavra "football" em língua inglesa remonta ao ano de 1486. Mas antes disso um jogo praticado na Terça-Feira Gorda que se assemelha ao futebol já era jogado e registrado em 1175.

Com os Estados Unidos seguindo adiante na Copa do Mundo, o "soccer" vai ganhando mais espaço, ainda que momentaneamente, no gosto dos americanos. Ao ponto de comentaristas de extrema-direita lamentarem que este esporte "de latinos e europeus" esteja pouco a pouco ficando popular com relação aos esportes nativos "puros", como o baseball, basquetebol e o verdadeiro e único "American football", aquele mesmo, das armaduras e da bola de formato ovalado esquisito. Há até quem se refira ao soccer como o "esporte oficial do terrorismo" e se pergunte por que nunca se ouviu falar de "baseball hooligans". Sério!

Se um dia o nosso futebol da bola redonda se tornar tão popular nos Estados Unidos como o "American football" existe o risco de a palavra "soccer" virar também dominante? O que pouca gente sabe é que esta forma de se referir ao futebol não é exclusiva dos Estados Unidos. De fato é desta forma que o "esporte bretão" é chamado em vários outros países, incluindo Austrália, Nova Zelândia, Papua Nova Guiné e ilhas próximas, além do Japão e Irlanda. Há até vocábulos próprios, como "sepak bola", usado na Indonésia e o "caucio", usado pelos italianos.

Futebol no mundo

Curiosamente o jornal neozelandês The New Zealand Harald perguntou aos seus leitores como deveria se referir ao esporte global da "bola redonda", "soccer" ou "football", e a resposta majoritária (60% contra 40%) foi em favor de football.

O fato de ser usado tanto nos Estados Unidos, como na Austrália e Nova Zelândia, dá uma pista de que na verdade a palavra "soccer" surgiu na Inglaterra onde era usada, ainda que com pouca regularidade, até meados do século passado. Depois da Segunda Guerra Mundial a palavra meio que entrou na moda por alguns anos, mas foi logo abandonada do uso cotidiano inglês nos anos 1980s exatamente na medida em que o esporte passou a ser mais popular nos Estados Unidos. Ou seja, o vocábulo virou "coisa de americano".

Mas de onde vem exatamente a palavra "soccer"? O pesquisador Stefan Szymanski publicou um paper no qual procura dar a explicação definitiva. Segundo ele a primeira menção à palavra "football" em língua inglesa remonta ao ano de 1486. Mas antes disso um jogo praticado na Terça-Feira Gorda que se assemelha ao futebol já era jogado e registrado em 1175.

Este jogo, que conceitualmente se trata de algo parecido com uma bola sendo jogada de um lado para outro, seja com os pés, mãos ou cabeça, passou por várias mutações ao longo do tempo. Daí surgiram as duas correntes principais, com suas dinâmicas e regras próprias: o "rugby", que permite o uso de mãos, e o "football", que as proíbe (com exceção do goleiro, claro). No fim do século XIX, ambas versões do jogo se organizaram em associações e cuidaram de normatizar as respectivas regras. A Rugby Association teve o nome reduzido para "Rugger" e a "Football Association" virou "Soccer".

Szymanski reproduz em seu paper uma carta enviada por um leitor ao New York Times em 1905 reclamando do uso (equivocado) feito pelo jornal do termo "socker" (SIC). Mas nessa época parece que o termo estava se consolidando na cultura americana. E a razão disso é que era usado para diferenciar do "American football", uma variação já popular naquela época que misturava elementos de rugby e soccer.

Carta de leitor do New York Times reclamando do uso da palavra "socker"

A consolidação veio quando as regras do "American football" foram codificadas para minimizar o alto grau de violência envolvida na prática. Em 1905 a coisa estava tão feia que foram reportadas várias mortes em embates de times universitários. A instituição de regras claras foi encampada pelo presidente Rosevelt e houve até um debate se o American Football não deveria ser proibido em favor de uma versão mais "leve", neste caso, o "soccer".

O resto é história. O American Football acabou se consolidando nos Estados Unidos, já que falava muito fortemente ao espírito bélico e competitivo dos americanos (afinal estava praticamente descartada a possibilidade de um jogo terminar em empate). O soccer/futebol, por seu lado, se consolidou no resto do mundo e agora até os americanos parece que vão pouco a pouco se rendendo ao "jogo bonito". Isso apesar da firme oposição do povo radical do Tea Party e de seus porta-vozes na imprensa e no mundo político.

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.

Para ver as atualizações mais rápido ainda, clique aqui.

MAIS COPA NO BRASIL POST: