OPINIÃO
24/12/2014 12:19 -02 | Atualizado 26/01/2017 21:36 -02

7 motivos para preferir o Natal na vida adulta

Nada de ser enganado, quando seus pais insistiam que o cara esquisito, com a barba descolando, parecidíssimo com seu tio, era o papai noel. Agora você mesmo compra seus próprios presentes e passa no cartão de crédito.

Flickr

O Natal na vida adulta é muito mais divertido, veja por que:

#1 Você pode escolher o cardápio

Diferente de quando você era criança, que sua mãe te obrigava a comer um pouco de salada, um pouco de peru, um pouco disso, um pouco daquilo e a sobremesa só vinha depois, agora você é quem manda. Você pode escolher só aquilo que você gosta e até começar pela sobremesa, e sem passas.

#2 Você pode fazer a decoração do jeito que quiser

Chega de decoração brega, agora você pode enfeitar como quiser, afinal de contas, o gasto vai ser seu mesmo.

#3 Você não precisa suportar um papai noel esquisito

Nada de ser enganado, quando seus pais insistiam que o cara esquisito, com a barba descolando, parecidíssimo com seu tio, era o papai noel. Agora você mesmo compra seus próprios presentes e passa no cartão de crédito.

#4 Você ganha roupas e gosta disso

Nada como abrir o pacote de presente (isso se você ganhar algum) e dentro ter roupa, você adora!

#5 Ninguém mais escolhe roupas ridículas para você vestir

Quando você era criança, a mãe te vestia com roupas pomposas, que combinavam com as dos primos e ainda colocava uma touquinha na sua cabeça, para combinar com a decoração. Agora você se veste como quer, pode passar a ceia de Natal tranquilamente de camiseta e calça de moletom.

#6 Você não precisa ir dormir logo depois da meia-noite da véspera

Quando antes era o fim da festa, agora ela só está começando, é depois da meia-noite que começa de verdade a bebedeira, o role com os amigos, os fiascos e tudo mais.

#7 Ninguém te impede de beber

Você tem mais de 18 anos, bebe o que quiser e quanto quiser. Lógico que, na frente da família, não é muito aconselhável tomar um porre, ainda mais nos dias de hoje, com celulares filmando tudo e o risco de estar no YouTube no dia seguinte é bem alto.

Apesar de tudo isso, tem criança que gosta muito de Natal, um exemplo é esse menininho cantando muito empolgado 'Alegria de Natal':

Texto publicado originalmente no Mas não me diga