OPINIÃO
18/07/2014 16:38 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:22 -02

7 motivos para ler João Ubaldo Ribeiro

Assim como Jorge Amado, Graciliano Ramos e Guimarães Rosa, João Ubaldo Ribeiro buscou reinterpretar o Brasil por meio de suas obras.

LUCIANO DA MATTA/AGÊNCIA A TARDE/ESTADÃO CONTEÚDO

1 - Ele ganhou não um, mas dois prêmios Jabuti

O escritor ganhou o prêmio de melhor autor revelação, em 1972, com o romance Sargento Getúlio - segundo romance do autor. O livro é considerado uma obra prima e já foi traduzido para diversos idiomas. Já em 1985, o jornalista foi condecorado na categoria Melhor Romance do Ano, com a obra Viva o povo brasileiro. Apesar de ser baseado em fatos reais da história brasileira, como a ocupação portuguesa, trata-se de uma narrativa com personagens fictícios. Em cada momento da obra, um personagem se destaca e, mesmo sendo de núcleos diferentes, muitos deles interagem entre si.

2 - Ele também ganhou o Prêmio Camões

Não bastassem os dois Jabutis, João Ubaldo faturou o mais importante prêmio da literatura em língua portuguesa. Criado pelos governos do Brasil e de Portugal, a condecoração é atribuída aos autores que tenham contribuído para o enriquecimento do patrimônio literário e cultural da língua portuguesa.

3 - Ele é elogiado pelos elogiados

De Luis Fernando Verissimo, escritor, a Antônio Torres, escritor e membro da Academia Brasileira de Letras, muitos autores reconhecem o talento de João Ubaldo. À GloboNews, Veríssimo disse: "talvez o mais brasileiro dos nossos escritores. Foi herdeiro do Jorge Amado, da baianice".

4 - Ele era irônico e engraçado como poucos

"Jogar ovos, tomates e tortas na cara de autoridades e pomposos variados é comportamento relativamente comum nas democracias mais consolidadas, com exceção da americana, onde o pessoal prefere dar tiro mesmo."

"Descrevo a masturbação feminina em alguns dos meus livros. Mas não sou eu ali masturbando todas elas. Só tem um dedo meu."

"Recebo praticamente um convite por dia para participar de festas literárias. A última que recebi foi de uma cidadezinha perto da minha terra, Itaparica, no interior da Bahia. Não tenho nada contra essas festas, tenho contra minha participação nelas."

"Se alguém chegasse para mim e dissesse que eu não poderia escrever mais, seria insuportável. Agora, já que ninguém me proíbe, não ando com muita pressa. Nem penso nisso."

5- Ele entendia os brasileiros

Assim como Jorge Amado, Graciliano Ramos e Guimarães Rosa, João Ubaldo Ribeiro buscou reinterpretar o Brasil por meio de suas obras. Viva o povo brasileiro, que é considerado um dos mais importantes romances da literatura nacional, volta às origens do Recôncavo Baiano para recriar quase quatro séculos da história do país por meio de múltiplos personagens. Em entrevista ao jornal O Globo, Marcos Vinicios Vilaça, ex-presidente da ABL, ressaltou o conhecimento da realidade do país por parte do escritor: "O João era um artista singular na vida cultural brasileira. Um valorizador da circunstância brasileira. Ele extraía do cenário brasileiro uma história com qualidade narrativa extraordinária. E não se pode pedir nada mais de um grande escritor."

6- Ele transformou em livro o testemunho "caliente" de uma senhora

De acordo com João Ubaldo, A casa dos budas ditosos trata-se de uma história real. A tal de Valentina teria enviado um pacote com a transcrição de várias fitas contando suas peripécias sexuais ao longo da vida, com o intuito de ter sua história contada em um livro. Se é verdade ou apenas uma brincadeira do autor? Perto da riqueza narrativa do livro, isso pouco importa.

7- Ele também era querido pelos gringos

Fora do Brasil, João Ubaldo recebeu prêmios na Alemanha e Suíça (Anna Seghers e Die Blaue Brillenschlang, respectivamente). Além disso, seus livros foram traduzidos em 12 línguas, como o inglês, espanhol, finlandês, francês, hebraico e italiano.

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.

Para ver as atualizações mais rápido ainda, clique aqui.

MAIS JOÃO UBALDO NO BRASIL POST:

Galeria de Fotos João Ubaldo Ribeiro Veja Fotos