OPINIÃO
20/09/2014 14:23 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:12 -02

5 boas notícias e (5 más) sobre a venda de ingresso para as Olimpíadas Rio 2016

ASSOCIATED PRESS
The newly arrived Olympic flag waves in front of the Christ the Redeemer statue in Rio de Janeiro, Sunday, Aug. 19, 2012. In 2016, Rio de Janeiro will become the first South American city to host the Games. (AP Photo/Felipe Dana)

Esta semana o Comitê Organizador da Rio 2016 divulgou a tabela de preços dos ingressos para as Olimpíadas no Brasil, daqui a dois anos.

Como era de se esperar, há boas e más notícias no anúncio. Veja:

Primeiro as ruins

1. Machismo no esporte?

2014-09-18-large.gif

O preço médio para as entradas para o futebol, o volei e o basquete são mais baixos nas competições femininas do que masculinas. Poderiam dizer que são esportes onde a versão masculina é mais tradicional, etc, etc... mas não ocorre o inverso: em modalidades onde elas é que dominam, como a ginástica, o preço dos ingressos é igual.

2. Paixões nacionais nas alturas

2014-09-18-futeol.gif

Os esportes mais populares no pais são também os cujos ingressos estão entre os mais caros. Entradas para o vôlei e vôlei de praia chegam a custar R$ 1,2 mil, enquanto as do futebol (olímpico, sem os grandes craques) chegam a R$ 900. Desse jeito só vai dar pra ver a fase preliminar do badminton (R$ 50)

3. Espetáculos caros

2014-09-18-abertura4.gif

As cerimônias de abertura e encerramento estão entre os eventos mais esperados dos jogos. Quem quiser assistir, contudo, terá que tirar o escorpião do bolso: os ingressos chegam a custar R$ 4,6 mil. Bem mais que os R$ 1,98 mil cobrados pela entrada mais cara da final da Copa.

4. Espaço público, ingresso pago

2014-09-18-poor.gif

Muitas competições acontecerão em lugares abertos como a Marina da Glória, a lagoa Rodrigo de Freitas e a praia de Copacabana. Apesar disso o comitê irá montar arquibancadas em todos estes lugares e cobrar ingressos para o acesso a elas, bloqueando do público não-pagante os melhores momentos.

5. Meia-entrada indefinida

2014-09-18-children.gif

Assim como na Copa, parte dos ingressos deve ser vendida pela metade do preço. O problema é que as regras, que só serão anunciadas em novembro, provavelmente incluirão limitação no número e na localização desses lugares nas arenas.

Agora as boas notícias.

1. Negócio da China

2014-09-18-china.gif

Um levantamento feito pela Folha mostrou que os preços dos ingressos do Rio serão menores do que os da última Olimpíada, em Londres (2012). As entradas dos jogos no Brasil terão preço parecido com as dos jogos de Pequim (2008), que foram 25% mais baratas que os da capital britânica.

2. Dá pra ver de graça

2014-09-18-sound.gif

Apesar de haver cobrança de ingresso para todos os esportes, ainda sim será possível acompanhar algumas modalidades na base do 0800. Remo na lagoa Rodrigo de Freitas; o pentatlo, a marcha atlética e a natação em mar aberto, em Copacabana; e o ciclismo de estrada, no Aterro do Flamengo, são alguns exemplos, sem esquecer, é claro, da maratona, que passará por várias partes da cidade.

3. Fora do Rio, ingressos em conta

2014-09-18-dilmaa.gif

O preço dos ingressos para as preliminares do futebol, que além do Rio, também acontecerão em Belo Horizonte, Salvador, Brasília e São Paulo estão entre os mais baixos, a partir de R$ 40. Moradores dessas regiões poderão ver os jogos economizando com passagens e hospedagem, que prometem ser caros.

4. Várias chances

2014-09-18-meryl.gif

O sistema de sorteios para a compra de ingressos tem a vantagem de ser mais democrático, já que permite que todo mundo, independentemente da facilidade de conexão com a internet ou o lugar do mundo onde está, concorre em pé de igualdade. Além disso, haverão três chances de comprar os 7,5 milhões de bilhetes à venda (dois sorteios e uma venda direta).

5. Oportunidade para os esportes "exóticos"

2014-09-18-entradas.gif

Como 3,8 milhões de ingressos vão custar no máximo R$ 70, será uma boa chance de assistir competições de alto nível de esportes pouco populares por estas bandas. Que tal dar uma chance para o pentatlo moderno, hóquei sobre grame, rugby ou o badminton?

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.


Para saber mais rápido ainda, clique aqui.


VEJA TAMBÉM NO BRASIL POST:

43 imagens provam que esporte é coisa de macho