OPINIÃO
24/09/2014 20:15 -03 | Atualizado 26/01/2017 20:56 -02

5 maneiras como o estresse atrapalha o sono (e o que fazer contra isso)

Getty Images

A presença do estresse em nossas vidas tende a ser uma espécie de "se correr o bicho pega, se ficar o bicho come". Todos passamos por isso, seja por causa de nosso trabalho, nossa vida pessoal ou mesmo do trânsito maluco. O estresse pode ser inevitável, mas isso não quer dizer que devemos simplesmente deixar acontecer. Ele pode cobrar um alto preço em nossas funções diárias -- especialmente no sono.

Quando estamos estressados, nossa mente fica cheia de pensamentos em vez de desligar à noite, inibindo funções importantes envolvidas na memória, reparação muscular e humor. Quando não dormimos o suficiente, nosso sistema imune falha, assim como quando estamos estressados. Mas essas não são as únicas coisas que ficam bagunçadas. Abaixo estão cinco maneiras como o estresse afeta nosso sono e nossa saúde -- e o que podemos fazer para consertar isso.

Em primeiro lugar, o estresse impede que você durma o número de horas adequado

O estresse tem uma maneira especial de nos fazer revirar na cama -- e essas horas sem descanso se acumulam. Segundo a pesquisa Estresse nos Estados Unidos, da Associação Americana de Psicologia (APA), 43% dos adultos dizem que o estresse os faz ficar acordados à noite, e mais de 50% dos adultos relatam sentir-se lentos ou preguiçosos depois de uma noite de pouco sono.

Embora não haja um número mágico de horas de sono que devemos ter por noite (os especialistas recomendam algo entre 7 e 9 horas), pesquisas sugerem que os americanos seriam mais felizes e saudáveis de modo geral se tivessem pelo menos mais 60 a 90 minutos por noite, segundo a APA. E a conclusão é que não conseguimos dormir esse tempo quando estamos ocupados ruminando nossas ansiedades.

Ele atrapalha a qualidade do sono

Não apenas o estresse rouba horas preciosas de sono, como também estraga a satisfação do sono. Aproximadamente 42% dos adultos relatam que têm um sono de baixa qualidade quando estão estressados, segundo a mesma pesquisa.

O estresse pode aumentar o risco de insônia

Má notícia para os cronicamente preocupados: o estresse pode não apenas afetar negativamente parte do seu sono, como pode lhe roubar totalmente o sono. Os que experimentam estresse constante são mais suscetíveis à insônia, e cada fator de estresse adicional aumenta o risco do distúrbio em 19%, segundo pesquisa recente publicada em "SLEEP".

Ele coloca seu cérebro em alta velocidade, impedindo que você desligue

Quando você adormece, seu corpo muda do sistema nervoso simpático ativo para o sistema nervoso parassimpático, mais calmo. No entanto, isso é interrompido pelo estresse. Quando você está preocupado demais, o sistema nervoso simpático não desliga e seu cérebro continua hiperativo, deixando-o totalmente desperto, segundo o doutor David Spiegel, diretor do Centro para Estresse e Saúde da Universidade Stanford, comentou anteriormente ao HuffPost Healthy Living.

Isso cria um círculo vicioso

Se você não tomar cuidado, o estresse pode ser o catalisador de um círculo vicioso de noites sem sono: você está estressado, por isso não pode dormir, então a falta de sono o deixa mais estressado e assim por diante. Segundo a Associação de Depressão e Ansiedade dos EUA, quase três quartos dos adultos dizem que seus problemas de sono causados pelo estresse provocaram o aumento do estresse ou da ansiedade em suas vidas.

Então como evitamos que o estresse estrague nosso sono? Experimente alguns dos truques abaixo, apoiados pela ciência.

Cheire um pouco de lavanda

Estudos demonstraram que a essência floral descontrai o corpo e pode até ajudar contra a insônia.

Pratique técnicas de desconcentração

Sejam algumas posições de ioga, relaxamento progressivo ou meditação, fazer alguns exercícios calmantes antes de ir para a cama pode ajudá-lo a tranquilizar sua mente para que você consiga partir para a terra dos sonhos.

Livre-se de seus pensamentos

Pegue caneta e papel e escreva o que você está sentindo -- então jogue tudo fora, fisicamente. Uma pesquisa mostra que esse truque ajuda a limpar sua mente de pensamentos negativos. Uma mente clara = uma mente mais pronta para dormir.

Faça algumas respirações profundas

Se exercícios específicos não são o seu forte, experimente apenas fazer algumas respirações profundas antes de dormir. A inalação e exalação ativa o sistema parassimpático do corpo, naturalmente calmante.

Considere consultar um especialista em sono

Se nada absolutamente funcionar, talvez seja útil procurar a opinião de um profissional. Terapeutas podem ajudá-lo a elucidar o estresse, assim como empregar técnicas como terapia comportamental cognitiva para tratar a insônia.

Este Guia GPS faz parte de uma série de postagens destinadas a recuperar seu equilíbrio quando você está se sentindo fora do prumo.

Os Guias GPS são nossa maneira de lhe mostrar o que aliviou o estresse de outras pessoas, na esperança de que você consiga identificar soluções que funcionam para você. Todos temos "armas secretas" para desestressar que usamos em momentos de tensão ou ansiedade, sejam fotos que nos relaxam ou nos fazem sorrir, canções que tocam nosso coração, frases ou poemas que geram um sentimento de harmonia, ou exercícios meditativos que nos ajudam a encontrar uma sensação de silêncio e calma. Nós o/a encorajamos a visitar nossos outros Guias GPS aqui e a compartilhar conosco suas dicas pessoais para encontrar paz, equilíbrio e tranquilidade.

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.


Para saber mais rápido ainda, clique aqui.

MAIS COMPORTAMENTO NO BRASIL POST:

O sono gostoso de Beau e Theo