HuffPost: Pessoas em 1º lugar

Como jornalista, acredito que minha missão é contar histórias. Há mais de 6 anos no HuffPost, sempre busco brechas no noticiário para focar no que mais me move, me comove e me atrai: pessoas.

Sim, nós escrevemos incessantemente sobre os cidadãos, os eleitores, os políticos, os artistas, os empresários, as organizações, as instituições. Pessoas físicas e pessoas jurídicas. Mas é o material humano o que mais me interessa desvendar: o que está por trás de CPFs e CNPJs. Os pensamentos, as angústias, os sentimentos, as emoções, os conflitos.

Em Todo Dia Delas, projeto editorial que durou de março de 2018 a 2019, levamos ao ar 365 reportagens de brasileiras empreendedoras, guerreiras e precursoras. De um lado, mulheres que desbravaram meios notadamente masculinos. De outro, mulheres que se tornaram chefes de família ante contingências da vida.

Aliás, nossas seções sobre Mulheres e LGBT são pioneiras em sites de notícias do Brasil. Lado a lado com Política e Entretenimento na Home do HuffPost, conferimos o mesmo peso jornalístico a reportagens sobre gênero e orientação sexual — e novamente com mulheres e LGBTs vocalizando suas questões, problemas e propostas contra a desigualdade.

Entre as séries que mais nos deram orgulho ter produzido, estão: o drama das mães afetadas pelo Zika vírus no interior de Alagoas; o custo social da maternidade no Brasil, incluindo no estado com pior cobertura de creche — o Amapá; a evolução do combate ao feminicídio nos 5 anos em que a lei contra o crime está em vigor no País; o drama dos venezuelanos na fronteira com o Brasil; e a necessidade de quebrar o silêncio em torno do suicídio.

Não nos esquecemos das pessoas quando cobrimos o noticiário de Política ou os efeitos da pandemia do coronavírus no Brasil e no mundo.

Nem quando o foco é Entretenimento e Comida — dois combustíveis para qualquer ser humano. Nem quando a seção Tamo Junto, voltada aos jovens zillenials, trata de temas como saúde mental, relacionamento, dinheiro e consumo.

Nossa equipe está completamente dedicada a servir ao que importa para você. Por isso, aqui as pessoas vêm sempre em primeiro lugar.

Seja bem-vindo ao HuffPost!

Diego Iraheta
Editor-Chefe, HuffPost Brasil
Histórias Que Inspiram
Cantora e compositora baiana começou a cantar aos 5 no coral da igreja e foi 'descoberta' nos bares de Salvador.
O médico Thiago Lopes é um dos 5.000 brasileiros que participam de fase experimental de imunização.
Jaqueline Góes mapeou genomas do coronavírus, mas lamenta falta de investimento do Brasil na ciência.
Primeira Pessoa
Leia o relato de Katya Hemelrijk, que nunca desistiu de seus sonhos, apesar das adversidades.
Fotojornalista Sirli Freitas, mãe de 3, busca construir novas memórias da família.
Após sofrer lesão medular, ativista Carolina Santos teve de vencer preconceito ao engravidar do companheiro cego.
Reflexões
Podemos ficar chateados ao errar. Mas é muito importante manifestar nossa vulnerabilidade.
O nosso cérebro é preguiçoso por natureza. E é importante entendermos como lidar com isso.
Por conta da pandemia do coronavírus, os rituais de despedida estão suspensos. Isso pode gerar traumas.