OPINIÃO
22/04/2014 13:11 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:24 -02

David Luiz é nomeado Embaixador Internacional de Boa Vontade do Unaids

O jogador da seleção apoiará o Unaids promovendo iniciativas de sensibilização relacionadas ao HIV/aids e de promoção de direitos humanos.

Divulgação

Na reta final para a Copa do Mundo da Fifa no Brasil, que tem início em junho, o vice-capitão da seleção brasileira de futebol, David Luiz, foi nomeado Embaixador Internacional de Boa Vontade do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (Unaids).

David Luiz apoiará o Unaids promovendo iniciativas de sensibilização relacionadas ao HIV/aids e de promoção de direitos humanos. O novo embaixador contribuirá também para a mobilização de fãs de futebol ao redor do mundo, em especial jovens, por meio de mensagens que promovam o fim da discriminação, destacando a importância da prevenção do HIV e do acesso ao tratamento para pessoas vivendo com o vírus.

David Luiz é destaque na campanha Proteja o Gol, uma iniciativa do Unaids que utiliza a popularidade e o poder de união do esporte para conscientizar e engajar os jovens na prevenção do HIV. Além disso, o novo Embaixador Internacional de Boa Vontade está promovendo a campanha #zerodiscriminação do Unaids, que convida pessoas a celebrarem o direito de todos a uma vida plena e digna, sem distinções de sexo, raça, cor, religião ou identidade de gênero.

Do total estimado de 35,5 milhões de pessoas vivendo com HIV no mundo, aproximadamente 5,4 milhões são jovens entre 10 e 24 anos. De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil, cerca de 150 mil pessoas vivem com o vírus e não sabem.

Para conscientizar o público durante esse período festivo, o Unaids firmou parcerias com o Ministério da Saúde, os estados e municípios das cidades-sede da Copa do Mundo, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), entre outros, para a distribuição de preservativos e panfletos com mensagens de prevenção, assim como a realização de testes voluntários de HIV nos fan fests - áreas onde os fãs de futebol poderão assistir gratuitamente aos jogos transmitidos em telões.

Os interessados em participar da iniciativa como voluntários devem ter mais de 18 anos e se inscrever até 5 de maio no site: www.protejaogol.org. Os voluntários irão colaborar nas ações de prevenção, distribuindo materiais informativos e preservativos. Para tanto, eles receberão treinamento e certificado de participação.

Faça como David Luiz e venha apoiar a campanha Proteja o Gol. A campanha precisa do envolvimento dos jovens. Vista a camisa e não deixe a aids marcar!