OPINIÃO
28/04/2015 17:20 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:53 -02

Meu corpo, meu templo

Mais uma vez a pauta central são as artistas que ficaram fora do padrão e estão sendo alvo de críticas desenfreadas esse mês. Equilíbrio emocional, pressão pelo corpo perfeito, são tantas as discussões possíveis e nenhuma com lógica aprazível para centralizar a discussão sobre isso. O metabolismo muda na idade adulta e desde que você esteja saudável, não vejo problema algum em ter um tamanho diferente, maior, menor (ah, em relação ao tal padrão).

7 momentos recentes pra repensar o que vestimos e como nos sentimos em relação ao corpo

Não quero ser chataao ser tão recorrente neste assunto. Mas mais uma vez a pauta central são as artistas que ficaram fora do padrão (wtf é o padrão que mora na mente doentia das pessoas!) e estão sendo alvo de críticas desenfreadas esse mês. Equilíbrio emocional, pressão pelo corpo perfeito, são tantas as discussões possíveis e nenhuma com lógica aprazível para centralizar a discussão sobre isso. O metabolismo muda na idade adulta e desde que você esteja saudável, não vejo problema algum em ter um tamanho diferente, maior, menor(ah, em relação ao tal padrão). É uma invasão do foro íntimo sem precedentes. Puro preconceito. É INACREDITÁVEL que estejamos em uma SOCIEDADE EVOLUÍDA.

 

1. REBELDIA COM CAUSA

A cantora Pink se mostrou rebelde com as críticas que recebeu em relação ao seu peso.

"Infelizmente meu peso parece muito mais importante que eu para alguns de vocês. Na verdade, me sinto bonita. Então, não se preocupem comigo. Não estou preocupada comigo e nem com vocês. Me sinto perfeitamente bem, perfeitamente feliz e minha saúde, meu corpo forte e voluptuoso está tendo seu desejado tempo livre. Obrigada pela sua preocupação. Com amor, cheesecake", afirmou.

Ela está lindíssima, elegante. Parece que os fotógrafos esperam um mal ângulo pra gongar a moça. Apenas párem de fazer isso pauta. Isso não é pauta. CD novo é pauta, projetos, causas. Isso não, a não ser que você faça um jornalismo fútil. Abaixo, foto deste mês da cantora em um evento beneficente: mais maravilhosa que a maioria dos críticos, pra quem gosta de comparações.

Foto: Getty Images

 

2. GRÁVIDAS DO MESMO HOMEM

Cúmulo! A revista norte-americana Life & Style, conhecida por seu sensacionalismo, afirma que Miley Cyrus não somente está grávida, mas que espera um filho do mesmo homem que Selena Gomez. Diz-se que tudo isso é por causa do excesso de peso de ambas depois da adolescência. Um policiamento da vida alheia. Miley Cyrus divulgou a capa da revista pelo seu perfil na mídia social Instagram, com o comentário:

"E (grávidas) pelo mesmo homem - queremos dizer Justin Bieber".

A publicação sarcástica de Miley, que serve como uma negativa aos rumores, atingiu mais de 330 mil curtidas até o momento. A irreverência de Miley faz bem viu. Eu também estou grávida, de nuggets.

Foto: Instagram da Miley

 

3. SELENA SERENA

As fotos de Selena Gomez em suas férias no México (!) - eu disse F-É-R-I-A-S - pararam a Internet nos últimos dias. Aliás, na Internet todo mundo virou juiz sem causa, vomitando seus preconceitos atrás de um avatar.Enfim. A polêmica é que a atriz estaria muito acima do peso. Ela tem 22 anos e diz-se que o aumento de peso se deu após uma reabilitação. Seja isso ou não, a celebridade não tem obrigação de ser um padrão de beleza: ninguém tem.

A modelo em si trabalharia com expressão da moda, a atriz com sua arte, a cantora com sua performance. Mas tudo é imagem, estereótipo, simplificação. A complexidade está aí para ser deglutida, e nada é óbvio. Selena, no caso, não estava posando pra lugar algum, estava de férias como qualquer um de nós - brincando com amigos, comendo e se divertindo e alguém a pegou em ângulos considerados engordantes. Recalcule a rota: Atire a primeira pedra quem não tira 1000 fotos pra postar uma com filtro só para mostrar melhor como se sente sobre si mesmo, sem nem perceber. Mas ela não teve essa chance de manter sua imagem idealizada ou dane-se. E olha aí a chatificação do mundo!

O site Papo de Homem trouxe uma crítica:

"Talvez, poucas coisas poderiam ser um indicativo tão grande do nosso vazio existencial quanto a torcida que fazemos em segredo para que as pessoas ricas, bonitas e famosas "desandem". Há outra questão. Gordo é feio? Pra quem? Por que? Se é tão feio assim, por que tem gente que prefere as gordinhas, de negar as magrelas hollywoodianas?".

Ela, enquanto isso, serena, substituiu o look para ficar mais em paz em relação aos paparazzi - e vestiu um short curto pra ir de novo à praia - feliz e confortável. O serviço que deve ser prestado pelas celebrities é exatamente continuarem sendo livres, com seus corpos e muita autoconfiança. Pregar estilo de vida saudável, ok, mas sinceramente, cada um é um tipo de vaso. Fácil claro que não é, mas as pessoas populares são o meio mais educativo (e talvez eficaz) em uma sociedade de símbolos, massa e stalkers profissionais.

Foto: reprodução/Instagram

 

4. TAMANHOS PLUS SIZE NA VISÃO DE QUEM É

Kristin e Sheridan estrelaram um post ótimo no BuzzFeed. O post questiona como são as roupas plus size na visão de quem se considera de um tamanho especial. A constatação é que sites como o Ebay e confecções que se intitulam como focadas em corpos de tamanhos diferentes, não cumprem o proposto, expondo muitas vezes o corpo da consumidora ao ridículo.

A moda fica bem óbvia: a que cubra mais, tenha mais pano, com transparência em lugares "estratégicos"... mas não parece agradar o público a quem se propõe. Eu mesma já comprei itens plus size que não pareceram pensados para mim ou para quem ia presentear.Pareciam réplicas mal feitas de "vista se puder". A sensação de ambas ao provar as roupas e se comparar às modelos dos sites, é irreverente porém hiper preocupante. Alerta aos empreendedores da área, e mais respeito por favor. Afinal, não queremos de graça.

Fonte: Macey J. Foronda for BuzzFeed

 

5. TRÊS ANOS DEPOIS... COM A MESMA ROUPA

Parece frase de seriado, mas não é. Escolher o look de manhã é uma tarefa chata para muitas. A diretora de arte norte-americana Matilda Kahl decidiu acabar com a dúvida e usar a mesma roupa durante três anos quando não sabia que roupa usar em uma reunião importante! Percebendo o estresse que poderia evitar, a jovem veste o mesmo "modelito" todos os dias: uma blusa branca, calça preta e blazer preto, além de uma tira de couro com a qual ela cria um laço em volta do pescoço. Não é a mesma roupa, é a mesma composição. Um uniforme pessoal. Eu não tenho dom pra isso - por falta de peças básicas no armário! Mas achei bonito e de personalidade. Sustentável, até.

Foto: Instagram da Matilda Kahl

 

6. VESTIDA DE MENININHO

Uma seguidora incitou Janelle Monáe por seu estilo de vestir. Ela sempre usa abotoaduras em suas camisas brancas, laços, suspensórios, roupas do dress-code masculino no imaginário popular. Só por isso alguém a quem ela não pediu opinião a criticou publicamente, acusando de não ser mulher de verdade, sexy, enfim.

O poder de Janelle é o olhar e a atitude. E, em resposta à seguidora esquisita, ela respondeu "fulana, senta aqui, não sou para o consumo masculino" - como quem diz que não é pra ser desejada, mas para ser ela. Dar opinião, tudo bem, projetar suas frustrações atirando pedras nos outros é ridículo, apesar de super facilitado nas mídias digitais. Uma lição de casa para a seguidora, que apagou o post!

Foto: Getty Images

7. EU NÃO SOU UMA ANGEL

Foto: Getty Images

"It's a bird! It's a plane! It's...Super-Rebel!" A linda Rebel Wilson divou com seu look preto e pink no MTV Movie Awards 2015. Segura de si, tem desfilado na capa da Elle, e ainda lançou uma hashtag poderosa #ImNoAngel. Ela reconhece que temos diferentes pesos, tamanhos e nacionalidades e as garotas-padrão da Victoria's Secret são quase um meio opressor de como deveríamos ser. Se elas são as melhores modelos, devemos ser as melhores pessoas, e elas também, ok, #tamojunto. E isso que nortearia esta vida passageira. Elogiada na atuação em Pitch Perfect, Rebel faz a diferença só por ser ela. Empoderamento no entanto é mais que isso: é se reconhecer, entender e buscar se engajar para defender suas posições. E é preciso coragem.

_______

Para mais matérias desta temática: www.ixigirl.com - a discussão não pára enquanto tivermos causa. Me encontre no Instagram, vamos conversar.