COMIDA
09/02/2019 01:00 -02

Vinho gelado no verão? As opções mais refrescantes em dias quentes

Do vinho tinto ao espumante, enólogos mostram como harmonizá-los com pratos típicos de verão.

Favorito nos dias mais frios, o vinho acaba sendo deixa de escanteio em dias mais quentes, principalmente no verão. Especialistas na bebida, no entanto, contestam que a sua fama venha apenas no inverno: existem ótimos vinhos que são refrescantes, desde tintos até espumantes. 

“Existem informações que, erroneamente, levam a crer que o consumo de vinhos e espumantes é cheio de regras, como os mitos de que vinho tinto só combina com inverno e espumantes não podem ser servidos com gelo na taça”, explica o enólogo da Cooperativa Vinícola Garibaldi, Ricardo Morari. “Não é nenhum absurdo consumir vinhos tintos no verão.”

“A estação mais quente do ano pede rótulos com leveza e frescor”, conta a sommelier da plataforma Wine, Ana Cristina Fulgêncio. Mas, para quem não abre mão dos tintos, a especialista recomenda escolher rótulos mais leves, com pouca ou nenhuma passagem por barricas de carvalho, com maior acidez e que possam ser servidos em temperaturas mais baixas.

Veja abaixo as dicas dos especialistas para cada tipo de vinho e suas harmonizações: 

Jean-philippe WALLET via Getty Images
Vinho também pode ser uma bebida adequada para o verão.

Vinho branco

Por ser mais fresco e leve, o vinho branco é perfeito para o verão, especialmente aqueles que não passam por amadurecimento em barricas de carvalho, ou seja, os mais jovens e frescos.

“Para este tipo de vinho, a sugestão de temperatura fica entre 6ºC e 8ºC, sendo ideal refrigerá-los em balde com gelo para manter a temperatura de consumo constante”, reitera Ricardo Morari. 

Harmonizações: os brancos harmonizam melhor com carnes brancas, peixes, frutos do mar, saladas e petiscos.

Sugestões de Ana Cristina Fulgêncio: 

Toro Loco D.O.P. Utiel-Requena Branco 2017 (Espanha)

Pode ser harmonizado ou simplesmente acompanhar um dia na praia. Custa cerca de R$ 29,50. 

Artefacto D.O.C. Vinho Verde 2017 (Portugal)

Ele leva este nome por ser produzido em uma região portuguesa que tende a produzir rótulos leves e fáceis de beber. Custa cerca de R$ 41.

BX Sauvignon Blanc 2017(França)

A versão branca traz a uva Sauvignon Blanc, que carrega frescor e é perfeita para dias quentes. Custa cerca de R$ 67. 

Vinho tinto

petrenkod via Getty Images
Vinho tinto na praia pode ser uma boa pedida.

Sim, é possível tomar vinho tinto no verão, mas é preciso ter alguns cuidados. “Nesta época do ano, a temperatura ambiente geralmente está mais alta e o vinho será melhor apreciado se for refrigerado por certo período”, sugere o enólogo da Vinícola Garibaldi. “Prefira bebidas mais jovens, que são as mais indicadas para o verão por geralmente apresentarem conteúdo tânico e teores alcoólicos menores, tornando-se mais frescas.”

Já a sommelier recomenda apostar nas uvas Pinot Noir,  Barbera e Gama.

Harmonizações: para não ter erro, sirva o vinho tinto com pratos como carnes vermelhas grelhadas (evitando as de caça) e massas com molhos suaves. Também vale degustar acompanhado de uma tábua de frios durante o happy hour.

Sugestões de rótulos:

Bobal deSanjuan Viñas Viejas D.O.P. Utiel-Requena 2016 (Espanha)

Este vinho espanhol é elaborado com a uva Bobal, que gerou um vinho leve, frutado, com boa acidez e taninos sutis. Custa cerca de R$ 42. 

Baron Philippe de Rothschild Cadet d’Oc Pinot Noir 2017 (França)

Esse rótulo do sul da França é leve e possui boa acidez, pode apostar. Cerca de R$ 54. 

Partridge Reserva Malbec Rosé 2017 (Argentina)

A uva Malbec é versátil e capaz de produzir vinhos rosés bastante frutados e com boa acidez. A temperatura ideal para servir e apreciar da melhor maneira é 10ºC. Custa cerca de R$ 38.

Espumantes

Michael Barrow Photography via Getty Images
Espumantes são ideais no verão.

Espumante é a bebida que melhor combina com o calor, praia, piscina e atividades ao ar livre. A temperatura de consumo mais indicada é a mesma de vinhos brancos (entre 6ºC e 8ºC). 

Harmonizações: prefira servir espumantes com pratos leves, como peixes, frutos do mar, aves e saladas. Já no happy hour, eles combinam com diferentes petiscos. 

Sugestões da Wine.com.br:

Espumante Veuve D`Argent Blanc De Blancs Brut (França)

É ideal para ser consumido na estação mais quente do anos por ser leve, possuir boa acidez e ter uma ótima relação custo x qualidade. Custa cerca de R$ 38.

Espumante Fantinel One & Only D.O.C. Prosecco Brut 2016 (Itália)

O Prosecco, nome relacionado à área de produção localizada no nordeste da Itália, é um dos espumantes mais refrescantes. Custa cerca de R$ 71.