NOTÍCIAS
12/03/2020 20:22 -03

Planos de saúde terão de bancar teste para coronavírus, decide ANS

Agência esclarece que o tratamento para pacientes diagnosticados com o Covid-19 já é assegurada aos beneficiário.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) decidiu que os planos de saúde terão de custear exames para detecção do coronavírus. A diretoria colegiada aprovada nesta quinta-feira (12) uma resolução que inclui esses testes no rol de procedimentos obrigatórios. A norma foi encaminhada ao Diário Oficial da União e entra em vigor na data de sua publicação.

A medida pode impactar positivamente a fim de não sobrecarregar o SUS (sistema único de saúde). O número de casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus subiu para 77 na atualização mais recente do Ministério da Saúde, divulgada na tarde desta quinta.

Apesar da alta capacidade de disseminação do novo coronavírus, em cerca de 80% dos casos de contaminação, os sintomas aparecem de forma leve. Menos de 5% dos casos evoluem para um quadro grave. A principal preocupação é com idosos e pessoas com doenças crônicas. Em infectados com menos de 50 anos, a taxa de mortalidade é de menos de 1%.

O teste será coberto para os beneficiários de planos de saúde com segmentação ambulatorial, hospitalar ou referência e será feito nos casos em que houver indicação médica. Essa previsão pode ser altera a medida que se tenha informações mais atualizadas sobre o vírus. O exame  é o “SARS-CoV-2 (CORONAVÍRUS COVID-19) – pesquisa por RT – PCR (com diretriz de utilização). 

JOSH EDELSON via Getty Images
O número de casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus subiu para 77 na atualização mais recente do Ministério da Saúde, divulgada na tarde desta quinta (12). 

A cobertura é obrigatória quando o paciente se enquadrar na definição de caso suspeito ou provável de doença pelo Coronavírus 2019 (COVID-19) definido pelo Ministério da Saúde. 

A ANS orienta que o beneficiário consulte a operadora do plano para saber o local adequado para o exame. A agência também esclareceu que a cobertura do tratamento aos pacientes diagnosticados com o Covid-19 já é assegurada aos beneficiários, de acordo com a segmentação de seus planos (ambulatorial, hospitalar).