LGBT
24/05/2019 17:47 -03 | Atualizado 24/05/2019 17:57 -03

Pioneiro do continente asiático, Taiwan realiza primeiros casamentos LGBT do País

Estima-se que ao menos 300 casais LGBT se apresentem a repartições públicas para oficializar a união.

Tyrone Siu / Reuters
Projeto entrou em vigor nesta sexta-feira, 24 de maio, uma semana após a presidente Tsai Ing-wen sancionar nova legislação.

É oficial. A partir de hoje, sexta-feira (24), casamentos homoafetivos podem ser registrados em repartições públicas de Taiwan que, na última semana, se tornou o primeiro país da Ásia a reconhecer uniões LGBTs perante a lei

Casais como Shane Lin e Marc Yuan (foto acima), não perderam tempo. Na tarde de hoje, uma série de taiwaneses compareceu a cartórios da capital, Taipei, para oficializar a união perante o Estado, segundo a agência AFP.

A agência informa que Shane e Marc foram os primeiros. Logo em seguida, chegaram a dramaturga LiYing Chien e sua companheira, uma desenhista conhecida como Cynical Chick, que assinaram a certidão de casamento.

Dados do governo apontam que ao menos 300 casais se apresentaram em um cartório para formalizar a união. Só a cidade de Taipei tem cerca de 150 locais em que uma união homoafetiva pode ser oficializada. 

Tyrone Siu / Reuters
A dramaturga LiYing Chien e sua companheira, a desenhista Cynical Chick; ao lado, o casal Marc Yuan e Shane Lin. 

Em 17 de maio, Taiwan se tornou o primeiro país da Ásia a legalizar a união entre pessoas do mesmo sexo. Projeto foi aprovado por 66 votos a 27. Fora do Parlamento, em Taipei, a capital, manifestantes enfrentaram chuva forte.

Quando saiu o resultado, segundo a Reuters, era possível ver alguns se abraçando, com lágrimas nos olhos, enquanto outros comemoravam a votação com cânticos de “Asia first” e “Way to go, Taiwan!”

“Hoje é um dia de orgulho para Taiwan. Nós demonstramos o valor da gentileza e inclusão desta terra para o mundo”, disse a presidente, Tsai Ing-wen, em suas redes sociais após a aprovação da medida.

Tyrone Siu / Reuters
Um grande tapete com as cores do movimento LGBT foi estendido para que os casamentos fossem realizados do lado de fora do cartório. 

“Através da legalização, (nós) garantimos que o amor de todos é igual e todos devem ser tratados igualmente. Hoje podemos dizer que fizemos de Taiwan um país melhor”, acrescentou a presidente, que fez campanha sobre uma promessa de igualdade no casamento na eleição presidencial de 2016.

A lei, no entanto, permite casamentos entre pessoas do mesmo sexo apenas entre os taiwaneses, ou com estrangeiros cujos países reconhecem o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Permite a adoção de crianças biologicamente relacionadas a pelo menos um par do mesmo sexo.

A votação seguiu-se a uma disputa de um ano sobre a igualdade no casamento que culminou em uma declaração de 2017 pelo tribunal constitucional da ilha democrática dando a casais homossexuais o direito de se casarem e estabelecendo um prazo de 24 de maio para a legislação.

Abaixo, veja as imagens dos primeiros casamentos em Taiwan:

Tyrone Siu / Reuters
Tyrone Siu / Reuters
Shane Lin, à esquerda, e Marc Yuan, se beijam do lado de fora do Escritório de Registro das Famílias no distrito de Shinyi, em Taipei.
Tyrone Siu / Reuters
Dados do governo apontam que ao menos 300 casais se apresentaram em um cartório para formalizar a união.
Bloomberg via Getty Images
Casamento entre pessoas do mesmo sexo, em Taiwan, agora é reconhecido pela lei.
SAM YEH via Getty Images
A dramaturga LiYing Chien e sua companheira, a desenhista Cynical Chick.
Tyrone Siu / Reuters
Casais não perderam tempo e, logo na manhã desta sexta (24), compareceram a repartições públicas em Taipei para reconhecer a união.
Tyrone Siu / Reuters
Taiwan se tornou o primeiro país da Ásia a legalizar o casamento homoafetivo.
Bloomberg via Getty Images
Na tarde de hoje, uma série de taiwaneses compareceu a cartórios da capital, Taipei, para oficializar a união perante o Estado.
Também no HuffPost Brasil:
Galeria de Fotos 10 momentos históricos da luta LGBT Veja Fotos