MULHERES
04/12/2019 20:30 -03 | Atualizado 05/12/2019 10:36 -03

As memórias da 'retirante' Suzana Pamplona e sua escolha pelo amor

Diretora de Inteligência de Marketing da Natura narra as mudanças em sua trajetória, inclusive a real motivação de sua mudança do Ceará para São Paulo.

As saudades da terra natal são imensas. O mar azul do Ceará, a brisa na beira da praia em Fortaleza e, claro, a família. Seus pais, a inesquecível avó, os irmãos e seus sobrinhos. Suzana Pamplona sente falta de todas as suas raízes. Dos sabores também. Menos porque o feijão de corda para o baião de dois ela consegue encontrar em São Paulo, onde mora há 22 anos.

Considera-se uma retirante, de certa forma. Mas, ao contrário de tantos, não escolheu deixar sua cidade para trabalhar na capital paulista; Suzana decidiu mudar de cidade para viver ao lado do então namorado, Paulo, com quem estava se relacionando havia poucos meses.

“O que me fez ficar aqui não tem a ver com essa trajetória profissional, carreira... Tem a ver com amor. Eu me apaixonei pelo meu marido e decidi que eu ia ficar porque é isso que importa”, emociona-se, referindo ao homem que viria a se tornar seu marido e companheiro de vida.

No 5º episódio da série Elas Transformam, a diretora de Inteligência de Marketing da Natura narra as várias mudanças de sua vida, inclusive na sólida e bem-sucedida carreira que construiu. Antes de trabalhar na gigante de cosméticos, ela passou pelo escritório de pesquisa de Eugenia Paesani, Nestlé, Unilever e Johnson & Johnson.

Suzana também fala sobre os preconceitos sofridos, sobretudo pela sua escolha de não ser mãe. “Tem esse tipo de julgamento mesmo; é como se fosse uma mulher incompleta”, conta. “Quando sai alguém do padrão, de qualquer script esperado, isso começa a ter uma série de questionamentos: ‘Será que essa pessoa é normal? Deve ter alguma coisa errada...’.”

Reprodução/THZ Filmes
Suzana Pamplona protagoniza 5º episódio de "Elas Transformam".

Série Elas Transformam 

A série lançada em novembro traz entrevistas com mulheres expoentes da publicidade e do marketing — de agências a grandes marcas, de indústrias como automotiva, de beleza, varejo.

Nosso objetivo é conhecer quem são as protagonistas da transformação a que estamos assistindo na indústria da comunicação. Essas mulheres transformam a publicidade do lado de dentro. E, por isso, são capazes de mudar todo um imaginário social, com seus estereótipos reforçados por décadas de pensamento unívoco.

A série tem 8 episódios, com 8 entrevistadas. O primeira deles foi com a publicitária Cintia Gonçalves, ex-sócia e CSO da AlmapBBDO. O segundo com a executiva Samantha Almeida, head de Conteúdo da Ogilvy. O terceiro, com Alessandra Souza, diretora de marketing da Peugeot. No quarto, Ana Leão, a managing director da Isobar.

Cada episódio tem de 25 a 40 minutos de duração. Os episódios são transmitidos no site do HuffPost Brasil e em nosso canal no YouTube.