COMIDA
26/02/2019 08:00 -03

Sobremesa ajuda na dieta? Estudo diz que sim, se você seguir esta estratégia

Acredite: é possível comer menos açúcar e não abrir mão de sua querida sobremesa.

Açúcar é um dos primeiros itens excluídos por quem busca uma alimentação saudável e equilibrada. Mas, comer sobremesa pode, na verdade, ajudar a controlar a fissura por doces e ser uma boa aliada na dieta.

Pelo menos é o que diz um recente estudo publicado no periódico Journal of Experimental Psychology: Applied. O segredo, nesse caso, não é poder ou não poder comer seu doce predileto, mas quando usá-lo estrategicamente. 

Pesquisadores da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, revelaram que comer a sobremesa antes do prato principal pode ser uma estratégia eficaz para ajudar a controlar a ansiedade e a conhecida “fissura” que geralmente as pessoas têm por doces. 

“Se você escolher algo saudável primeiro, isso dá uma espécie de ‘licença’ para escolher algo melhor e maior depois”, contou Martin Reimann, um dos professores que lideraram o estudo, à revista Time.

“Se você fizer o contrário e comer um doce antes da refeição, essa licença já ‘expirou’ e provavelmente você escolherá algo mais saudável”, disse o professor, ressaltando que escolher um doce antes da refeição pode fazer que inconscientemente uma pessoa diminua a ansiedade sobre o que está comendo e escolha um prato menos calórico ― e em menor quantidade. 

O estudo

Alexander Spatari via Getty Images
Pessoas que optaram por comer uma sobremesa antes do prato principal ingeriram menos calorias do que aquelas que escolheram uma fruta. 

Para chegar à conclusão, os pesquisadores analisaram mais de 132 colaboradores e estudantes de graduação da Universidade do Arizona. Em 4 dias diferentes, eles ofereceram 4 opções de sobremesas: uma opção saudável (como uma fruta) antes da refeição, uma sobremesa calórica (como um cheesecake) antes do prato principal, uma fruta depois do prato principal ou um cheesecake depois do almoço. 

Quase 70% das pessoas que pegaram o cheesecake antes do almoço escolheram um prato principal mais saudável e uma guarnição mais saudável também (no caso, fajitas de frango com uma salada em vez de um frango frito e fritas). Já entre os que escolheram uma fruta, o número de pessoas que escolheram um prato principal mais saudável depois caiu para 30%. 

No final do experimento, pessoas que escolheram o cheesecake antes da refeição ingeriram 250 calorias a menos do que as que escolheram a fruta antes do prato principal. Pessoas que comeram o cheesecake depois da refeição, ingeriram 150 calorias a mais do que aquelas que escolheram o doce antes do prato. 

Ao replicar o experimento em uma plataforma online, onde 160 adultos tiveram que escolher uma ordem de um jantar hipotético, os resultados foram novamente positivos para quem quis comer a sobremesa antes. 

Pessoas que decidiram saborear um hipotético bolo de chocolate optaram por um prato principal mais saudável (56%), em comparação com aqueles que pediram uma fruta (44%). 

Apesar das descobertas, é preciso ponderar que comer sobremesas açucaradas em todas as refeições ou mesmo todos os dias não faz bem à saúde e pode contribuir para o aumento do risco de doenças crônicas, como diabetes e obesidade. 

Comer doces de forma moderada, no entanto, pode ajudar as pessoas a evitar compulsões por açúcar. Um outro estudo revelou que privação de carboidratos pode desencadear compulsões, fazendo que as pessoas ingiram mais calorias e açúcares quando elas “caem” na tentação. Então, se você está tentando reduzir a ingestão de açúcar, uma pequena porção de sobremesa pode realmente ajudá-lo a conquistar o objetivo.

Com o tempo, você reduz o consumo de doces e é possível até treinar o paladar para desejar menos alimentos açucarados. Acredite: é possível comer menos açúcar e não abrir mão de sua querida sobremesa.