ENTRETENIMENTO
05/07/2019 16:34 -03

'Seinfeld': Os 30 melhores episódios para celebrar os 30 anos do 'show sobre o nada'

Série que estreou em 1989 quebrou todas as barreiras do formato sitcom e criou seu próprio universo dentro da cultura pop.

Divulgação
Michael Richards, Jason Alexander, Julia Louis-Dreyfus e Jerry Seinfeld como os amigos Kramer, George, Elaine e Jerry.

No dia 5 de julho de 1989 a rede NBC exibiu o primeiro episódio de Seinfeld, uma série que a princípio não parecia ter nada de especial, mas que com o tempo se mostrou um marco na história da TV, quebrando todas as barreiras do tradicional formato sitcom.

Abreviação do termo “comédia de situação”, sitcom é uma comédia que mostrava situações ambientadas em um grupo com relações em comum, como uma família, grupo de amigos ou colegas de trabalho.

Vendida como o “show sobre o nada” (que falava sobre tudo), Seinfeld experimentou com todo tipo de narrativa estranha a esse formato já tão cristalizado na televisão americana, colocando temas tabu com um humor cínico nunca antes visto na TV. 

Criada pelos comediantes Jerry Seinfeld e Larry David, a fórmula incomum, mesmo que “irresponsável”, provou-se acertada. A série se transformou em um ícone da cultura pop, construindo todo um universo de frases de efeito e personagens marcantes que passou a servir de referência para diversas outras séries e artistas — além do público em geral, que até hoje visita locações que se tornaram famosas no programa, que terminou em 1998.

Para celebrar o aniversário de 30 anos da série, elegemos aqui os nossos 30 episódios preferidos do “show sobre o nada”. 

*Atualmente, todos os 169 episódios das nove temporadas de Seinfeld podem ser vistos no Amazon Prime.

30 - “The Alternate Side” (Temp./EP. 11 - 1991)
O episódio da famosa frase “these pretzels are making me thirsty”. Um clássico do nonsense que virou verbete em dicionário de cultura pop.

29 - “The Muffin Tops” (Temp./EP 21 - 1997)
O sonho de quem quer comer apenas a parte de cima do muffin vira realidade nesse episódio.

28 - “The Butter Shave” (Temp./EP 1 - 1997)
No episódio, Kramer aparece em uma cena como um frango assado. Precisa de mais alguma coisa?

27 - “The Burning” (Temp./EP 16 - 1998)
Uma das melhores cenas de Kramer está nesse episódio. Ele mostra todo o seu talento de contador de histórias para um grupo de estudantes de medicina. 

26 - “The Old Man” (Temp./EP 18 - 1993)
Entre os personagens idosos de Seinfeld, o rabugento Sid Fields está no topo do pódio.

25 - “The Invitations” (Temp./EP 24 - 1996)
A indiferença e a falta de empatia da sociedade moderna resumidas em uma cena. É para rir, mas é para chorar também. 

24 - “The Soup Nazi” (Temp./ EP 6 - 1995)
“Sem sopa para você!” O “nazista da sopa” ficou tão conhecido que o homem que inspirou o personagem abriu a cadeia de lojas mesmo tendo odiado o episódio.

23 - “The Dinner Party” (Temp./EP 13 - 1994)
A eterna questão do que levar para uma festa... Um vinho, um pão? Claro que com o tempero Seinfeld.

22 - “The Betrayal” (Temp./EP 8 - 1997)
O famoso episódio em que a história é contada ao contrário, do final para o começo. Bem antes de isso virar moda.

21 - “The Bizarro Jerry” (Temp./EP 3 - 1996)
Elaine fica dividida entre a amizade de Jerry, George e Kramer quando conhece Kevin, Gene e Feldman, suas versões do “mundo bizarro”. 

20 - “The Conversion” (Temp./EP 11 - 1993)
Você sabe o que é Kavorka? Pois você vai descobrir o poder dessa irresistível atração animal.

19 - “The Junior Mint” (Temp./EP 20 - 1993)
Você é definido pelos doces que come. Elaine descobre o que jujubas podem fazer com a sua vida, enquanto Kramer e Jerry conhecem o poder da bala de menta.

18 - “The Switch” (Temp./Ep 11 - 1995)
Aqui descobrimos, finalmente, o primeiro nome de Kramer. E ainda conhecemos a mãe dele!

17 - “The Implant” (Temp./EP 19 - 1993)
Episódio que ficou marcado pela frase “They’re real, and they’re spectacular”. Na verdade, o que é real e espetacular é esse episódio.

16 - “The Sponge” (Temp./EP 9 - 1995)
Episódio que cunhou o termo “spongeworthy”, ou seja, um cara que é digno (ou não) de se gastar um diafragma (o método contraceptivo, claro) com ele.

15 - “The Puffy Shirt” (Temp./EP 2 - 1993)
Dos tipos de pessoas “classificadas” em Seinfeld, uma das mais marcantes é a dos low talkers, gente que fala tão baixo que nós fingimos escutar, mesmo não entendendo nada do que elas estão falando.

14 - “The Strike” (Temp./EP 10 - 1997)
Quem liga para o Natal quando nós temos o Festivus, uma festa criada por Frank Costanza em que a família lava sua “roupa suja” em torno de uma trave de alumínio? 

13 - “The Limo” (Temp./ EP 19 - 1992)
George é confundido com um líder neonazi. Só isso já indica o que se pode esperar desse episódio.

12 - “The Serenity Now” (Temp. 9/EP 3 - 1997)
O que esperar de uma técnica mental de relaxamento de Frank Costanza? 

11 - “The Bubble Boy” (Temp. 4/EP 7 - 1992)
Um dos embates do século! Aqui George enfrenta Donald Sanger, o Bubble Boy, na melhor partida de Trivial Pursuit da história.

10 - “The Fire” (Temp. 5/EP 19 - 1994)

Divulgação

De todos os momentos vis de George Costanza, empurrar uma velinha de andador para fugir de um incêndio em uma festa infantil ganhou a medalha de ouro. É a essência da maldade do ser humano resumida em poucos segundos. E o pior de tudo é que nós rimos disso! Mas, também, o que esperar de um mundo que não lembra mais do Bozo?

9 - “The Chinese Restaurant” (Temp. 2/ EP 11 - 1991)

Divulgação

Histórico. Todo o episódio é passado na sala de espera de um restaurante Chinês. Assim como em The Pen, Kramer não aparece na trama. Mas ele não faz falta. Aqui, Jerry, George e Elaine passam por uma mesa que deveria demorar uns 10, 15 minutos, de acordo com o maitre. É claro que não é isso que acontece. A cena em que o maitre chama “Cartwright” como se fosse “Costanza” entrou para o hall da fama dos momentos que indicam que você deve desistir da fila de espera e ir a um fast food.

8 - “The Pen” (Temp. 3/EP 3 - 1991)

Divulgação

Episódio que marca as ausências de Kramer (que ficou de fora de apenas de mais um) e George, o único de toda a série em que o personagem não aparece. O ator Jason Alexander até ameaçou deixar o programa por conta disso. Mesmo assim, ele apresenta o impagável Jack Klompus, rival de Morty, pai de Jerry, e a esposa do Tio Leo, Stella. Ela, aliás, marca uma cena inesquecível, em que Eleine, chapada, imita o personagem de Marlon Brando em Um Bonde Chamado Desejo (1951) gritando: “Stellaaaaa!”. Isso sem falar de toda a confusão por conta de uma caneta da Nasa.

7 - “The Hamptons” (Temp. 5/ EP 20 - 1994)

Divulgação

Duas coisas que todo mundo sabe e que ninguém tem coragem de falar alto são abordadas neste episódio em que Jerry, George, Elaine e Kramer vão aos Hamptons visitar um casal amigo. Que bebês podem sim ser muito feios e que água fria pode afetar certas partes do corpo. 

6 - “The Summer of George” (Temp. 8/EP 22 - 1997)

Divulgação

Sabe aquela folga que você está louco para tirar e fica sonhando em tudo de espetacular que pode fazer nesse tempo livre? Pois é, George também pensou nisso nesse episódio. E com ele acontece exatamente a mesma coisa que acontece com a gente: acabamos ficando em casa maratonando alguma série. É o “show sobre o nada” em seu ápice.

5 - “The Merv Griffin Show” (Temp. 9/EP 6 - 1997)

Divulgação

Talvez o mais maluco de todos os episódios de toda a série, quem brilha aqui é Kramer, claro. O vizinho doido de Jerry acha partes de um cenário de um talk show antigo jogado no lixo. Ele leva para casa e monta o cenário em sua sala, usando como entrevistados todo mundo que aparece por lá. Aí você pode imaginar no que pode acontecer.

4 - “The Marine Biologist” (Temp. 5/EP 14 - 1994)

Divulgação

De todas as mentiras que George conta, e olha que são muitas, a retratada neste episódio é a mais épica. Para impressionar uma paixão dos tempos de colégio, ele diz que é um biólogo marinho. Até aí, tudo bem. O problema é que ele teve que provar toda sua habilidade de biólogo para salvar uma baleia encalhada. O resto é história. 

3 - “The Subway” (Temp. 3/EP 13 - 1992)

Divulgação

Dos famosos episódios que se passam em apenas um local, este é o melhor. Aqui, Jerry, George, Elaine e Kramer têm, cada um deles, uma experiência diferente andando de metrô. Jerry segue para a distante estação de Coney Island enquanto George flerta com uma mulher a caminho de um entrevista de emprego, Kramer escuta alguém dando um palpite “certeiro” para uma corrida de cavalos, e Elaine segue para um casamento lésbico.

2 - “The Opposite” (Temp.  5/EP 22 - 1994)

Divulgação

Episódio que melhor define a personalidade do loser mais icônico da TV: George Costanza. Já que sempre se ferra em absolutamente tudo que faz na vida, ele decide que de agora em diante fará sempre o contrário do que normalmente faria. E o plano dá certo! Mas seu sucesso influenciará as vidas de seus amigos. Quem diria que George Costanza daria, um dia, uma lição de filosofia de vida?!

1 - “The Contest” (Temp. 4/EP 11 - 1992)

Divulgação

Mesmo ainda sem o prestígio que ganharia com o passar dos anos, o show nunca teve medo de arriscar. Fazer um episódio que gira em torno de um tabu como masturbação na TV aberta nos EUA tinha tudo para dar muito errado, mas como normalmente acontece na trajetória de Seinfeld, o tiro foi certeiro e rendeu ao programa o seu melhor episódio até hoje. Inspirados em um caso contado por George, ele, Jerry, Kramer e Elaine apostam quem conseguiria ficar mais tempo sem se masturbar. Histórico e hilário.