ENTRETENIMENTO
15/08/2020 12:23 -03 | Atualizado 15/08/2020 15:38 -03

A treta com Romero Britto virou uma obra de arte tão linda quanto uma peça de Romero Britto

Uma confusão eternizada com muita cor e alegria. 🤗

A esta altura, você já deve saber que nas últimas 24 horas nasceu uma nova estrela na internet. Ainda não se sabe o nome dela, mas a mulher que destruiu uma obra de Romero Britto na frente do artista ganhou milhares de fãs.

O que talvez você não saiba é que o episódio já foi eternizado pelo tatuador Rodrigo Botero em uma obra cheia de cor e alegria, no mesmo estilo do artista plástico brasileiro queridinho das celebridades norte-americanas.

Aprecie:

O que rolou?

Na madrugada de sexta-feira (14), um vídeo foi publicado no TikTok de Faye Pindell e viralizou na internet. Nele, uma mulher aparece jogando no chão a peça Big Apple na frente de Romero Britto. “Nunca vá a um restaurante meu e desrespeite meus funcionários”, ela grita. 

O artista tenta reagir, mas não consegue impedir que a obra de porcelana seja espatifada no chão. No site do artista, a peça em tamanho original é vendida por US$ 4.800 (cerca de R$ 25,9 mil). Há também uma versão em miniatura, que custa US$ 360 (cerca de R$ 1,9 mil). 

A mulher em questão é dona de um restaurante que fica na frente da galeria de Britto, em Miami. Após a repercussão nas redes sociais, um registro integral da cena de vingança foi publicada no perfil do restaurante no Instagram. Nele, é possível ouvir a empresária disse antes de quebrar a obra. 

“Senhor Britto, boa tarde. Eu sou a dona do restaurante Tapelia, na frente da sua loja. Meu esposo veio aqui e me comprou esta obra de arte de presente de aniversário. Porque o mantinha em um pedestal e te admirava como artista. Eu achava que você era um homem admirável, mas me enganei. Não preciso que você me autografe nada.”

Ela continua:

Você foi ao meu restaurante e reservou para vinte pessoas para tomar café da manhã a um preço de US$ 8, o que é barato, e nos pediu desconto. Você humilhou o meu pessoal, pediu para desligar a música, pediu a eles que não falassem. Foi humilhante! Para uma pessoa honesta e respeitável, você carece de humildade. Exijo que você nunca mais volte ao meu restaurante.” 

Assista ao vídeo:

 

Romero Britto ainda não se pronunciou formalmente sobre o episódio. No entanto, horas depois de  se tornar um dos assuntos mais comentados no Twitter, o artista postou um vídeo em seu Instagram com diferentes peças e o pedido para que se “compartilhe felicidade e amor”. 

ATUALIZAÇÃO:

Em nota enviada à Folha de S.Paulo na tarde deste sábado (15), o artista comentou que o caso ocorreu em 2017.

“Uma peça pesada de porcelana que ao quebrar em pedaços poderia ter causado danos a mim, a ela ou a qualquer outra pessoa no local. É lamentável, mas a integridade física das pessoas foi colocada em risco naquele momento. Infelizmente há pessoas que querem ficar famosas às custas de outro”.

Segundo a jornal, Britto disse que também que sei objetivo “sempre foi o de levar alegria, amor e esperança a todos”. “Não admito desrespeito e jamais tive a intenção de desrespeitar alguém”, diz a nota. 

“A internet é muitas vezes injusta, e as pessoas não estão preocupadas com a verdade. Gostam de confusão, drama, negatividade, de julgar sem analisar os fatos. Vou continuar minha missão de alegrar o mundo, que como nunca precisa de mais amor, felicidade, esperança e otimismo”, completou Britto.