NOTÍCIAS
24/09/2019 12:00 -03

O olhar 'fuzilante' de Greta Thunberg em Trump na ONU representou muita gente no Twitter

Diversos usuários se identificaram com a atitude da jovem sueca.

A ativista sueca Greta Thunberg foi flagrada encarando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante a reunião pelo clima na Organização das Nações Unidas (ONU) nesta segunda-feira (23), em Nova York.

O vídeo e a foto do olhar da jovem de 16 anos contra o republicano viralizaram nas redes sociais. Diversos usuários do Twitter criticaram a presença de Trump no local.

“Acho que muitos de nós conseguem se identificar”, escreveu o democrata Julían Castro, do Texas, junto com um vídeo do encontro.

O norte-americano, por sua vez, que era esperado apenas para uma conferência sobre liberdade religiosa, ignorou a presença de Greta. Mais cedo, a adolescente sueca, símbolo da luta contra as mudanças climáticas, fez um discurso na ONU, no qual acusou os líderes mundiais de lhe terem “roubado a infância” ao não fazerem nada pelo clima “nos últimos 30 anos”.

Enquanto isso, Trump afirmou ter dúvidas sobre as reais causas do aquecimento global se elas realmente estariam sendo provocadas pelo homem. Além disso, o mandatário dos Estados Unidos gerou indignação nas redes sociais depois de publicar um texto zombando do discurso da ativista. “Ela parece uma jovem muito feliz, ansiosa por um futuro brilhante e maravilhoso. Tão bom ver!”, escreveu junto a um vídeo do discurso “trêmulo”. 

O comentário sobre a ativista ― que sofre da síndrome de Asperger, uma forma leve de autismo ― provocou a reação de milhares de pessoas, que criticaram o magnata e consideraram o ataque à Greta como “nojento”.