NOTÍCIAS
29/01/2019 20:10 -02 | Atualizado 29/01/2019 20:13 -02

Número de mortos em Brumadinho sobe para 84, segundo Defesa Civil

Outras 276 pessoas ainda estão desaparecidas.

ASSOCIATED PRESS
Covas são abertas em cemitério em Brumadinho (MG).

A Defesa Civil de Minas Gerais informou, no início da noite desta terça-feira (29), que subiu para 84 o número de mortes confirmadas pelo rompimento de uma barragem da Vale, em Brumadinho (MG). Ainda há, segundo o órgão, 276 desaparecidos.

De acordo com o tenente Pedro Aihara, porta-voz do Corpo de Bombeiros, nenhuma vítima foi encontrada com vida neste 5º dia de buscas. A barragem se rompeu na sexta-feira (25), e, segundo Aihara, desde sábado (26) não são encontrados sobreviventes.

“A chance de encontrar pessoas com vida [a partir de agora] é muito pequena”, afirmou o porta-voz.

Nesta terça, parte das buscas foi concentrada na área em que possivelmente ficava o refeitório da Vale, onde funcionários almoçavam no momento da tragédia. De acordo com a mineradora, cerca de 600 empregados estavam no refeitório e no prédio administrativo da companhia no momento do desastre.

Dois dos corpos achados nesta terça-feira são de pessoas que estavam no refeitório. Outros três corpos foram resgatados de um dos ônibus soterrados.