ENTRETENIMENTO
14/07/2020 09:36 -03

Grant Imahara, do ‘Mythbusters’, morre aos 49 anos

"Trabalhar com Grant foi muito divertido. Vou sentir falta do meu amigo", disse o ex-co-apresentador Adam Savage.

Grant Imahara, um engenheiro que passou anos rebentando mitos e testando ciência frequentemente explosiva no programa de TV Mythbusters, morreu na noite de segunda (13). Ele tinha 49 anos.

A causa foi um aneurisma cerebral, informou o Hollywood Reporter.

“Estamos com o coração partido ao ouvir essas tristes notícias sobre Grant”, disse um representante do canal Discovery ao THR. “Ele era uma parte importante da nossa família Discovery e um homem realmente maravilhoso. Nossos pensamentos e orações vão para a família dele.”

Imahara se juntou ao Mythbusters em 2005 a convite do anfitrião Jamie Hyneman. Por mais de 200 episódios, ele criou robôs, dirigiu carros de acrobacias e pulou de aviões em nome da ciência.


No início de sua carreira, Imahara trabalhou em filmes de grande sucesso como O Exterminador do Futuro 3, O Mundo Perdido: Jurassic Park e Star Wars: A Ameaça Fantasma. Ele foi um dos poucos operadores oficiais do droid R2-D2 e criou o robô Geoff Peterson para o programa The Late Late Show With Craig Ferguson, além de ajudar a desenvolver tecnologia para o icônico Energizer Bunny, o coelinho da Durcel.

“[R2-D2 é] mais fácil de dirigir do que o Energizer Bunny”, disse Imahara em 2011, observando que ocasionalmente substituía o C3PO em eventos Star Wars ao vivo.

Outra de suas criações, o Deadblow, tornou-se um campeão no programa de combate a robôs BattleBots.

Eu me aposentei do combate de robôs. Meu primeiro robô de combate, o Deadblow, foi construído há quase 20 anos, em 1999. Eles transformaram em brinquedo e eu escrevi um livro sobre o assunto. #BattleBots

“Quando eu era criança, nunca quis ser James Bond”, disse Imahara à Machine Design em 2008. “Queria ser Q, porque ele era o cara que fazia todos os aparelhos”.

Mais recentemente, Imahara co-apresentou, na Netflix, o reality Projeto Coelho Branco com os ex-Caçadores de Mitos Kari Byron e Tory Belleci. O programa foi ao ar por uma temporada em 2016.

A parceira de Imahara, a estilista Jenny Newman, escreveu no Twitter que “havia perdido uma parte do meu coração e alma hoje”.

Eu não encontrei as palavras. Não sei se vou conseguir. Perdi uma parte do meu coração e alma hoje. Ele era tão generoso e gentil, tão infinitamente doce e tão amado por seus amigos incríveis. Sinto-me tão sortuda por tê-lo conhecido, por ter amado e sido amada por ele. Te amo, querido.

Vários colegas de Imahara no Mythbusters compartilharam tributos a seu amigo nas redes sociais:

Estou perdido. Sem palavras. Fiz parte de duas grandes famílias com Grant Imahara nos últimos 22 anos. Grant era um engenheiro, artista e intérprete verdadeiramente brilhante, mas também uma PESSOA tão generosa, descontraída e gentil. Trabalhar com Grant foi muito divertido. Vou sentir falta do meu amigo.

Há dias que eu gostaria de ter uma máquina do tempo.

Eu simplesmente não posso acreditar. Eu nem sei o que dizer. Meu coração está despedaçado. Adeus, amigo.