ENTRETENIMENTO
30/09/2020 12:30 -03 | Atualizado 30/09/2020 12:32 -03

Morre Quino, cartunista criador da Mafalda

"Todas as pessoas boas do país e do mundo estão chorando", disse o editor Daniel Divinsky.

DANIEL GARCIA via Getty Images
O cartunista Quino posa ao lado de sua mais famosa criação, a garotinha Mafalda, no aniversário de 50 anos da personagem.

Morreu na manhã desta quarta (30), anos 88 anos, o cartunista argentino Quino, criador de uma das personagens mais amadas do mundo, a Mafalda. A informação foi confirmada por seu editor, Daniel Divinsky, que não informou a causa da morte.

Morreu Quino. Todas as pessoas boas do país e do mundo estão chorando.

Nascido em Mendoza, em 1932, Joaquín Salvador Lavado Tejón, mais conhecido como Quino, criou a personagem Mafalda em 1962, quando trabalhava em uma agência de publicidade.

Mas a primeira tirinha da personagem foi publicada dois anos depois, no semanário Primera Plana. A partir de 65, as histórias da questionadora garotinha também chegaram ao jornal O Mundo. De lá para cá, Mafalda foi traduzida em mais de 30 idiomas.

Mafalda ganhou o coração de milhões de fãs do mundo todo principalmente por seus questionamentos espirituosos que refletiam problemas profundos ligadas a assuntos como polícia, história, ciência, costumes, entre outros. Um olhar que misturava a inocência das crianças e um forte discurso progressista e libertário. 

Eleições nos EUA
As últimas pesquisas, notícias e análises sobre a disputa presidencial em 2020, pela equipe do HuffPost