LGBT
22/06/2019 11:00 -03

Melanie C sobre questão LGBT no Brasil: ‘Se forem dados passos para trás, será triste’

Em entrevista exclusiva ao HuffPost Brasil, a estrela da Parada LGBT de SP diz que show das Spice Girls no Brasil está 'no topo de sua lista de desejos'.

Diego Iraheta/HuffPost Brasil
Melanie C veio ao Brasil a convite da MaxMilhas e do BK e será a estrela internacional da Parada LGBT de São Paulo.

Apenas cinco dias após o fim da Spice World — 2019 Tour, a turnê que reuniu novamente as Spice Girls no Reino Unido, Melanie C desembarcou no Brasil. A eterna Sporty Spice veio a São Paulo para participar da Parada do Orgulho LGBT em São Paulo, a maior do mundo, neste domingo (23). 

Principal atração da parada deste ano, Mel C entende sua missão no evento: demonstrar apoio de uma artista internacional à comunidade LGBT diante do atual governo. “Nós sentimos que é bastante importante estar aqui apoiando a comunidade, especialmente do jeito que as coisas estão politicamente neste momento”, explicou, em entrevista ao HuffPost Brasil, no hotel em que está hospedada na zona sul de São Paulo.

Esta é a primeira grande parada LGBT no Brasil após a posse de Jair Bolsonaro, conhecido por declarações preconceituosas sobre gays em um passado recente. Neste ano, o presidente vetou propaganda do Banco do Brasil que exaltava diversidade sexual e racial. O então diretor de Comunicação e Marketing do banco, Delano Valentim, foi demitido após descontentamento de Bolsonaro.

Para Mel C, muitos foram os avanços da comunidade LGBT no mundo durante a última década. “Infelizmente há alguns países onde muito trabalho precisa ser feito. E eu acho que, se no Brasil forem dados passos para trás, isso será muito triste”, opinou.

A plataforma de viagens MaxMilhas, agência aérea oficial da parada, se uniu ao Burger King para trazer a Sporty Spice ao Brasil. No domingo, ela subirá no trio do BK na Avenida Paulista para entoar hits das Spice Girls e da sua carreira solo para mais de 3 milhões de pessoas — público esperado pela organização.

“Nós queremos bradar sobre nossa liberdade e aceitação para o mundo”, disse Mel C, sobre a parada. “Eu amo ser uma aliada dessa comunidade que me apoiou ao longo de toda a minha carreira.”

A Spice Girl não estará sozinha no trio. Ela vai se apresentar com drag queens do Sink the Pink, uma das principais baladas LGBT de Londres. Mel C e elas estiveram juntas também na noite desta sexta-feira (21) na ParadaSP Fest, na Audio, na Barra Funda, zona oeste de São Paulo.

Spice Girls reunidas no Brasil?

Com a memória ainda fresca dos shows lotados da reunião das Spice Girls, Mel C disse ao HuffPost que parece ter vivido um sonho. “Foi a experiência mais incrível que tivemos; criativamente, o show foi tudo que nós queríamos — e mais um pouco.”

No total, foram 13 concertos na Irlanda, País de Gales, Escócia e Inglaterra. Ao lado de Melanie C, participaram Mel B, Geri Halliwell e Emma Bunton. Victoria Beckham foi a única a declinar do reencontro dos palcos por estar envolvida com “outros compromissos”.

Questionada se o girl power do quarteto poderá ser apresentado no Brasil em breve, Mel C afirmou que essa proposta está “no topo da minha lista de desejos”. “Sei que o apoio às Spice Girls aqui no Brasil é incrível e sei que as meninas amariam vir para cá também. Dedos cruzados; vamos ver o que o futuro nos reserva”, conclui, para dar uma pontinha de esperança aos fãs brasileiros.

Serviço

23ª Parada do Orgulho LGBT+ - 50 anos de Stonewall

Domingo (23)

10h às 18h

Local: Avenida Paulista

Concentração Trio BK (com Melanie C): Avenida Paulista, 633