ENTRETENIMENTO
16/11/2019 05:00 -03

5 mães inesquecíveis das novelas

Helena, Maria do Carmo e até Dona Armênia... Relembre as mães que fizeram tudo por seus filhos.

Com estreia marcada para o dia 25 de novembro, a nova trama das 21h Globo, Amor de Mãe, conta a história de três mulheres que, de formas distintas, se destacam como mães que fariam tudo por seus filhos.

Inspirados pelo tema do novo folhetim global, resolvemos fazer uma lista com cinco mães inesquecíveis das novelas.

Veja aqui se você concorda com a gente e dê mais sugestões nos comentários.

Helena, de Por Amor (1997)

A Helena (Regina Duarte) de Por Amor, novela de Manuel Carlos de 1997 fazia qualquer coisa por sua filha Eduarda (Gabriela Duarte). Tudo mesmo! Grávida ao mesmo tempo que sua filha, Helena abriu mão de seu bebê ainda na maternidade, quando descobriu que Eduarda havia perdido o filho.

Ao saber da morte do neto, Helena convenceu o médico César Andrade (Marcelo Serrado) a trocar os bebês sem que sua filha soubesse. Vivendo com a dor pessoal de não criar seu filho, mas com a alegria de ver Eduarda feliz.

Dona Armênia, de Rainha da Sucata (1990)

Tudo bem que Dona Armênia (Aracy Balabanian), uma das personagens mais marcantes de Rainha da Sucata, novela de Silvio de Abreu de 1990, era manipuladora e adorava um drama... Mas ela era totalmente dedicada a suas “filinhas” Geraldo (Marcello Novaes), Gerson (Gerson Brenner) e Gino (Jandir Ferrari).

Por mais que seu grande objetivo na vida fosse colocar o prédio de Maria do Carmo (Regina Duarte) “na chon”, Dona Armênia era, antes de tudo, uma super mãe que não queria de jeito nenhum perder o amor de seus filhos.

A mãe fez tanto sucesso que voltou em outro folhetim de Abreu, Deus nos Acuda (1992).

Helena, de Laços de Família (2000)

Outra das famosas Helenas de Manuel Carlos é a da novela Laços de Família, de 2000. Vivida por Vera Fischer, Helena, além de abrir mão de seu relacionamento com o jovem Edu (Reynaldo Gianecchini) porque sua filha Camila (Carolina Dieckmann) estava apaixonada pelo rapaz, renunciou ao casamento com Miguel (Tony Ramos).

O motivo? Camila é diagnosticada com leucemia e, para achar um doador de medula compatível para sua filha, Helena resolve engravidar de seu primo Pedro (José Mayer), que era o verdadeiro pai de Camila. Padecer no paraíso é pouco para Helena!

Maria do Carmo, de Senhora do Destino (2004)

Maria do Carmo, de Senhora do Destino, grande sucesso de Aguinaldo Silva de 2004, é certamente uma das mães mais persistentes da história da teledramaturgia brasileira. Desde que sua filha Lindalva foi raptada pela vilã Nazaré Tedesco (Renata Sorrah), ainda na década de 1960, Maria do Carmo (Susana Vieira) não descansou um segundo sequer na busca por ela.

Tanto que, mesmo prosperando financeiramente à custa de muito trabalho e cuidando de outros três filhos, ela encontra sua filha mais de 20 anos depois, batizada por Nazaré como Isabel (Carolina Dieckmann).

Raquel Accioli, de Vale Tudo (1988)

Mesmo mãe de um traste como Maria de Fátima (Gloria Pires), Raquel (Regina Duarte) - uma das grandes protagonistas da inesquecível Vale Tudo, novela de Gilberto Braga de 1988 - nunca desistiu de sua filha.

Mesmo frequentemente humilhada pela inescrupulosa Maria de Fátima, Raquel lutou fez tudo o que podia, e mais um pouco, para que a filha fosse uma boa pessoa. E mesmo com todo esse amor de mãe, seu esforço não deu em nada.