ENTRETENIMENTO
14/06/2019 11:06 -03 | Atualizado 14/06/2019 12:30 -03

'Faz Gostoso', a aguardada parceria entre Madonna e Anitta, está entre nós

♫ “Eu não nego, ele é safado e ainda por cima é carinhoso / Ele faz tão gostoso / Ele faz tão gostoso." ♫

Divulgação
Capa de "Madame X", 14º álbum de estúdio de Madonna. 

Madonna lançou nesta sexta-feira (14) o aguardado Madame X, seu 14º álbum de estúdio. É nesse trabalho que consta Faz Gostoso, notável parceria da Rainha do Pop com Anitta. Trata-se de um versão do funk  da cantora brasileira radicada em Portugal Blaya - que foi hit em terras lusitanas no ano passado.

Na faixa, a 11ª do disco, Madonna se arrisca cantando versos em português, mostrando como os últimos anos vivendo em Portugal influenciaram seus hábitos. A cantora deixou os Estados Unidos em 2017 a fim de ajudar o filho David Banda, de 13 anos, a realizar o sonho de ser jogador de futebol.

O refrão diz:

Eu não nego ele é safado e ainda por cima é carinhoso
Ele faz tão gostoso
E-ele faz tão gostoso
Ele não quer compromisso e na minha casa é perigoso
Ele faz tão gostoso
E-ele faz tão gostoso
Ele sabe que eu sou casada e ainda amo o meu amor
Ele faz tão gostoso
E-ele faz tão gostoso
Eu me sinto no poder, mas esse cara é perigoso (vai, vai)
Ele faz tão gostoso (vai)
E-ele faz tão gostoso

Ouça Faz Gostoso no player abaixo:

 

Na madrugada desta sexta, assim que o álbum chegou às plataformas de streaming, Anitta usou sua conta no Instagram para reverenciar a trajetória e influência de Madonna, agradecer a parceria e celebrar a adesão da Rainha do Pop ao funk, “um dos ritmos com maior taxa de preconceito em meu País”. 

“Tudo o que eu quero dizer hoje é obrigado. Como te disse pessoalmente, Madonna… se hoje me sinto livre, poderosa e forte para me expressar, minha sexualidade e meu jeito de ser mulher é por causa de sua luta de tantos anos. Sua luta pela liberdade mudou milhões e milhões de vidas, inclusive a minha. É uma honra fazer parte da sua história  incrível de alguma forma”, escreveu.

“Ter sua pessoa lendária cantando um dos ritmos com maior taxa de preconceito em meu país, dá forças a toda uma comunidade que achava que nós nunca seríamos respeitados por cantar o funk brasileiro em nosso próprio lugar”, comemorou a cantora nascida em Honório Gurgel, no subúrbio do Rio.

“Obrigado por isso e obrigado por mudar minha vida me ensinando muitas coisas direta e indiretamente enquanto estávamos juntas. Eu quero aprender com você para sempre na vida. É isso aí, Brasil. Madonna cantando funk. Hoje eu durmo realizada. Boa noite!”, concluiu Anitta. 

 

Além de Anitta, Madame X conta com participações dos rappers Quavo e Swae Lee, e do colombiano Maluma - que aparece em duas faixas. A produção é assinada por Mirwais Ahmadzai, mesmo nome por trás dos álbuns Music (2000) e American Life (2003). Diplo e o próprio filho de Madonna, David Banda, estão entre os compositores do álbum.

 

O jornal The New York Times classificou Madame X como um álbum sombrio do que o normal, destacando que ele também possui canções românticas “adequadas para o verão”. “[Madonna] experimentou gêneros musicais como dance, fado, rap e batuque cabo-verdiano e explorou sua raiva sobre líderes mundiais como Donald Trump”, escreveu a jornalista Vanessa Grigoriadis.

“Ela se visualizou como uma combatente da liberdade viajando pelo mundo para espalhar o evangelho do amor e da anti-discriminação - combatendo a misoginia, a homofobia, o racismo, as armas, a ascensão do autoritarismo”, completou.

Já a revista Variety classificou Faz Gostoso como a melhor colaboração feminina da carreira de Madonna até agora. “Ela [Madonna] e a superstar brasileira Anitta estão juntas em Faz Gostoso, cantada majoritariamente na língua nativa de Anitta. É a melhor junção de vozes entre todos os 5 featurings”, escreveu o jornalista Jeremy Helligar.

“Anitta oferece de longe a melhor colaboração feminina de toda a carreira de Madonna, deixando para trás até mesmo suas parcerias com Nicki Minaj, M.I.A. e Britney Spears”, concluiu.