Experiência gastronômica em 'bolhas isoladas' chega a São Paulo a partir de R$ 250

Apelidadas de "domos", cabines visam promover jantares para até seis pessoas dentro do conceito de "novo normal" e com prevenção contra o coronavírus.

Com a flexibilização do isolamento social, bares e restaurantes reabriram com mais espaço entre as mesas, muitas máscaras de proteção e até robôs atendendo aos clientes e servindo refeições ao redor do mundo.

Mas outra cena também tem sido comum: duas pessoas jantando isoladas em uma cúpula transparente, enquanto um garçom com máscara da proteção, luvas e faceshield fura a “bolha”, anota os pedidos dos clientes.

Esta imagem, que já está sendo realidade em restaurantes na Europa, estará disponível para o “novo normal” de sair para comer em São Paulo. O evento gastronômico Villa Stella, da cervejaria Stella Artois, oferecerá a experiência, mas só para quem desembolsar R$ 250 pela entrada, mais o valor dos pratos.

O evento é promovido desde 2018 no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte (MG). Entre os dias 30 e 4 de setembro, o evento desembarcará na capital paulista, de forma adaptada com todas as normas de segurança devido à pandemia.

Apelidadas de "domos", cabines visam promover jantares para até seis pessoas dentro do conceito de "novo normal" e com prevenção contra o coronavírus.
Apelidadas de "domos", cabines visam promover jantares para até seis pessoas dentro do conceito de "novo normal" e com prevenção contra o coronavírus.

Realizado na Fundação Maria Luisa e Oscar Americano, no bairro do Morumbi, na zona oeste, esta adaptação ao “novo normal” consiste em um gramado com oito cabines semi-esféricas - que lembram o formato de uma bolha - feitas de lona transparente, decoradas internamente e com mesas para seis pessoas.

Chamada de “Edição Domo”, o evento avisa que logo na entrada, haverá uma cabine de sanitização e medição de temperatura, dispensers de álcool em gel para higienização das mãos e o uso de máscara será obrigatório, menos dentro do domo. O ambiente será higienizado antes e após os jantares.

Em seu site, a organização do evento avisa que: “Ao entrar, você recebe uma proteção para os pés de uso obrigatório durante toda a experiência. As refeições serão servidas respeitando o distanciamento social, teremos álcool em gel nas mesas e sistema de ventilação” e que, “para sair do Domo e ir nas áreas comuns, o uso de máscara é obrigatório, e teremos restrições no número de pessoas que transitarem nessas regiões.”

As refeições devem durar no máximo duas horas, em quatro opções de horários, de quarta a domingo: das 12h às 14h e das 15h às 17h, no almoço; e das 18h às 20h e das 21h às 23h, no jantar. O valor de R$ 250 corresponde à entrada e vale para o grupo, independentemente do número de pessoas.

O cardápio é assinado por restaurantes como A Baianeira, Komah, A Matilda Lanches, Mescla e Da Feira Ao Baile e pratos custam a partir de R$ 35.

Villa Stella

Local: Fundação Maria Luisa e Oscar Americano

Data: De 30 de setembro a 4 de outubro

Horário: De quarta a domingo, das 12h às 14h, 15h às 17h, 18h às 20h e 21h às 23h.

Preço: R$ 250 (até seis pessoas), pratos são cobrados à parte

Endereço: Av. Morumbi, 4.077, Morumbi - São Paulo

Informações adicionais: villastella.stellaartois.com.br