COMIDA
28/05/2019 18:15 -03 | Atualizado 29/05/2019 12:23 -03

Burger veggie 'idêntico' ao de carne: Eis o veredito sobre sabor, textura e valor nutricional

Experimentamos os 2 hambúrgueres de plantas que imitam carne animal: o Futuro Burger, da Fazenda Futuro, e o Incrível Burger, lançamento da Seara.

Reprodução/Fazenda Futuro

Parecia uma coisa futurista. Hambúrgueres iguais aos de carne que não têm nenhum ingrediente de origem animal e com um impacto mínimo para o meio ambiente.

O primeiro hambúrguer vegetal “igual” ao de carne foi lançado há pouco tempo nos Estados Unidos. O Impossible Burger é feito de diversos ingredientes de origem vegetal e impressiona por seu aroma, sabor e textura parecida com a de carne ― o hambúrguer até “sangra”. Outra marca Beyonde Meat também concorre no mercado de carne sem animais, mas está mais presente em supermercados. 

E não demorou muito para este “futuro” desembarcar no Brasil. De olho nas novidades do Vale do Silício, o empresário Marcos Leta, mesmo fundador da empresa de de sucos integrais em caixinha “do bem”,  lançou em abril de 2019 a foodtech brasileira Fazenda Futuro, que produz carne vegetal sem origem animal.

O Futuro Burger tem em sua composição apenas ingredientes naturais com origem vegetal, como proteína da ervilha, proteína isolada da soja e de grão de bico, além de beterraba ― que imita o “sangue” da carne. 

A novidade foi lançada em primeira mão na Lanchonete da Cidade, em São Paulo, e no T.T. Burger, no Rio, e chega às redes de supermercados Pão de Açúcar, Carrefour, St. Marché, Zona Sul, La Fruteria e Verdemar nesta semana, por um valor de R$ 16,99 — uma embalagem com duas carnes vegetais. 

Na esteira do lançamento da Fazenda Futuro, a Seara, uma das maiores empresas alimentícias do País, também lançou seu hambúrguer sem boi em maio deste ano, durante a feira anual da APAS (Associação Paulista de Supermercados). 

O chamado IncrívelBurger Seara Gourmet é um hambúrguer com sabor e textura de carne, mas feito apenas de vegetais, como soja, beterraba, trigo, alho e cebola. Porém, esse é um hambúrguer congelado. 

Divulgação
Hambúrguer da Seara também só tem componentes vegetais.

Minha Opinião

Na semana passada, eu fui conhecer o famigerado Futuro Burger na Lanchonete da Cidade. Por lá, o consumidor tem a opção de pedir qualquer sanduíche com o burger vegetal, então experimentei 2: o Cooper, com molho inglês, cheddar e mostarda dijon, e o LC Futuro, que foi criado especialmente para o hambúrguer veggie, com maionese vegana, pão, alface e tomate orgânicos. 

De fato, o hambúrguer se parece bastante com um feito de carne animal. Ele tem um aspecto mais rosado e dá impressão de ser um hambúrguer mal passado. 

HuffPost Brasil
Ao primeiro olhar, a carne parece um pouco crua...

O sabor também é parecido com o de carne de verdade. Achei um pouco salgado, e é possível sentir que o hambúrguer tem bastante tempero. Ele é bem condimentado e tem sabor de defumado um pouco exagerado. 

HuffPost Brasil
A carne é realmente suculenta e tem um "sangue" de beterraba.

Um dos maiores diferenciais deste hambúrguer é que ele não se despedaça ou tem um gosto de planta. Então, diferentemente de um hambúrguer vegetal tradicional, ele realmente tem gosto de carne.

O próprio fundador disse que não quer competir com o mercado veggie, mas sim com a indústria frigorífica. 

Bom, de fato, se eu tivesse comido esse hambúrguer sem saber que ele é vegetal, eu levaria algumas mordidas extras para saber o que tem de diferente nele. A textura do burger é realmente mais macia que uma carne, e seus condimentos são mais fortes, mas até aí poderia confundir com uma carne bem temperada ou até um hambúrguer congelado de supermercado. 

No geral, gostei da experiência, mas ainda não é igual a um hambúrguer de carne.

Se eu trocaria por esta versão veggie? Certamente! Junto com os outros ingredientes do sanduíche, como molho, queijo, cebola e tomato, mal dá para notar grandes diferenças.

A parte boa é que você provavelmente não vai se sentir estufado como algumas pessoas se sentem após exagerar na carne vermelha. 

Incrível Burger

Divulgação
Burguer Seara é congelado e possui espessante, aroma de carne e corante de beterraba.

Já o burger Seara vem com outra proposta. Como é congelado, é um alimento com mais compostos do que o Futuro Burger. Na sua composição, além de vegetais, tem espessante, aroma de carne e corante de beterraba e antioxidante. O hambúrguer é vegano.

Ao fritá-lo, seguindo as instruções da embalagem, percebi que o hambúrguer é bem oleoso. Masseu gosto é quase idêntico ao similar de carne. Tanto a aparência quanto o gosto e textura são realmente bem parecidos com um hambúrguer de carne animal ― comparando-o, é claro, com um hambúrguer congelado de supermercado. 

O hambúrguer da Seara ainda não chegou às gôndolas dos supermercados. Segundo a assessoria de imprensa, a novidade deve chegar em julho deste ano. 

Informações nutricionais

Uma das grandes dúvidas sobre estes hambúrgueres de plantas que imitam carne é: o que tem neles que se parece tanto com uma carne animal? 

Bom, provavelmente o criador do Futuro Burger não vai contar a fórmula exata de seu hambúrguer vegetal, mas é possível verificar todos os ingredientes presentes nele: 

Proteína de ervilha, proteína isolada de soja e de grão de bico, além de beterraba para imitar a cor e o sangue da carne, sem glúten, sem transgênicos.

Além disso, a tabela nutricional mostra que o Futuro Burger tem grande quantidade de proteínas e a mesma quantidade de gorduras que a carne. Porém, tem mais fibras, é menos calórico e é livre de colesterol, além de ter menor impacto ambiental para ser produzido. 

Reprodução

Já o Incrível Burger tem mais ingredientes:

Água, proteína de soja, óleos vegetais, gordura vegetal, glúten, sal, cebola, alho, espessante metilcelulose, aroma idêntico ao natural (carne) e aroma natural (grelhado), corantes: vermelho de beterraba, caramelo IV e antioxidante ácido ascórbico.  

Aqui está a tabela nutricional do hambúrguer da Seara:

HuffPost Brasil

É preciso lembrar que tanto o Incrível Burger quanto o Futuro Burger têm quantidade grande de sódio: apenas uma unidade possui quase 40% da quantidade de sódio que uma pessoa poderia consumir em apenas um dia. 

Mas, de forma geral, o hambúrguer vegetal é um produto novo que carnívoros devem prestar atenção. Para vegetarianos e veganos, a sensação de comer carne novamente pode ser libertadora ― ou bem estranha para alguns.

Marcos Leta, fundador da Fazenda Futuro, já anunciou que já está produzindo uma nova versão do Futuro Burger, ainda mais parecida com hambúrguer de carne do que a versão “teste”. A novidade deve sair nas próximas semanas.

Vamos acompanhar para ver se o futuro da carne será, de fato, sem animais.