NOTÍCIAS
13/03/2019 14:20 -03 | Atualizado 13/03/2019 16:03 -03

Atirador de 17 anos postou fotos com arma horas antes do massacre na escola de Suzano

Guilherme Taucci passava até 3 horas em jogos de tiro em lan-houses de Suzano, segundo colegas.

A Polícia Civil de São Paulo divulgou que os 2 responsáveis por massacre da escola em Suzano, na Grande São Paulo, são Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Ambos eram ex-alunos da Escola Estadual Raul Brasil.

De acordo com o secretário de Segurança Pública de São Paulo, João Camilo Pires de Campos, Monteiro foi expulso do colégio no ano passado “por problemas”.

O adolescente tinha um perfil no Facebook sob nome Guilherme Alan alimentado desde 2016. Poucas horas antes do massacre, ele postou diversas fotografias em que aparece com arma de fogo. Outras imagens mostram o adolescente mascarado e apontando o dedo médio para a câmera.

Divulgação/Facebook
Guilherme Taucci aparece mascarado e com arma.
Divulgação/Facebook
Adolescente segurava arma e apontava para a câmera.
Divulgação/Facebook
Guilherme Taucci se matou após atentado.

Esse tipo de máscara se popularizou com o game de guerra Call of Duty, mas não é exclusiva do jogo. Segundo apurou HuffPost Brasil em Suzano, Guilherme era visto em lan-houses passando até 3 horas em jogos de tiro.

Os 2 jovens estavam encapuzados quando invadiram a escola. O atentado deixou ao menos 10 mortos e 10 feridos. Entre os mortos, estão os próprios assassinos, que se mataram em seguida.

Além de arma calibre .38, eles utilizavam carregadores, e uma besta (arma medieval que funciona com flechas). Foram encontrados ainda uma machadinha e um arco e flecha com os corpos dos atiradores.

A numeração da arma estava raspada, segundo o secretário de Segurança Pública, o que indica que o revólver teria origem ilegal. 

Entre outras postagens compartilhadas por Guilherme Alan, há a imagem de representação de guerra, foto da banda de metal Slipknot e um post do deputado federal Eduardo Bolsonaro criticando “bandido assassino”. 

Reprodução/Facebook
Galeria de Fotos Massacre em escola de Suzano (SP) deixa 10 mortos Veja Fotos