ENTRETENIMENTO
31/08/2020 17:55 -03 | Atualizado 31/08/2020 17:56 -03

Globo reforça Globoplay com canais ao vivo de TV por assinatura

Novo pacote dá acesso ao conteúdo dos 18 canais Globo, além do catálogo do serviço de streaming.

O Globoplay, serviço de streaming da TV Globo, terá uma nova modalidade de assinatura a partir desta terça-feira (1º): o Globoplay + canais ao vivo, que inclui a programação dos canais da Globosat.

Novo pacote ficará 30 dias em fase de pré-lançamento aos atuais assinantes e será estendido a todos interessados a partir de outubro.

Responsáveis pela ação, Erick Brêtas, diretor de produtos e serviços digitais da Globo, e Paulo Marinho, diretor dos canais da emissora, anunciaram a novidade em conversa com jornalistas nesta segunda (31) por vídeoconferência.

Os executivos dizem que o novo tipo de assinatura - mais acessível que um pacote de TV tradicional - chega com a intenção de complementaridade, e não de concorrência entre os braços da empresa. 

Os públicos-alvo são a classe C que já não tem condições de assinar TV. Segundo Brêtas, a parcela da população que em um “período de mais euforia do País começou a consumir tudo e se viu de novo voltando à penúria”. E também os mais jovens, que não tiveram proximidade com a TV por assinatura e já são íntimos das plataformas de streaming.

“A TV por assinatura atinge um outro perfil de público. A gente enxerga como ofertas complementares”, afirmou Marinho. “É importante dizer também que todo novo empacotamento que oferecemos na frente do Globoplay também é oferecido para os nossos parceiros de distribuição.”

Sem dar números mais precisos, o diretor informou que o consumo de conteúdo no Globoplay aumentou 224% entre 1º de janeiro e 7 de agosto.

Divulgação
De acordo com executivos, cerca de 40 títulos originais (produção ou coprodução) devem integrar o catálogo do Globoplay nos próximos quatro anos.

O lançamento do pacote dá sequência a estratégia da emissora de se alinhar ao conceito de “midia tech”, ou seja, se colocar como uma empresa focada em tecnologia e mídia. Projeto também faz parte de resultados práticos do “UmaSóGlobo”, iniciativa que desde o início de 2020 colocou as empresas de audiovisual do grupo sob uma única estrutura.

O novo pacote deve incluir Multishow, GloboNews, Sportv 1, Sportv 2, Sportv 3, GNT, Viva, Gloob, Gloobinho, Off, Bis, Mais Globosat, Megapix, Universal TV, Studio Universal, SYFY, Canal Brasil e Futura.

Para quem já é assinante, o valor mensal será de R$ 49,90. No plano anual, a mensalidade custará R$ 42,90. A assinatura básica, que custa hoje R$ 22,90, continuará disponível. A programação dos canais será disponibilizada para consumo on demand no streaming depois de seis meses de sua exibição.

O assinante também passa a ter acesso ao recurso cloud DVR, que permite assistir até quatro horas anteriores à programação anterior ao que está sendo exibido ao vivo. De fora do novo pacote, a programação dos canais Premiere, Telecine e Combate será ofertada em combos individuais.