NOTÍCIAS
02/09/2019 10:50 -03

Furacão Dorian: 10 vídeos que mostram toda sua força e destruição nas Bahamas

A tempestade de categoria 5 arrasou ilhas do arquipélago, revirou carros e barcos, arrancou árvores, destruiu casas e deixou moradores ilhados.

Yahoo News
Vídeos postados na internet mostram a destruição causada pela tempestade em Ábaco.

O furacão Dorian deixou um rastro de destruição e pânico nas ilhas de Ábaco, no arquipélago das Bahamas na manhã do último domingo (1).

A força do furação, que é considerado a segundo mais forte já registrado no Atlântico, arrancou telhados e árvores, virou carros nas ruas, derrubou linhas de energia e a força das águas engoliram casas da região. 

A tempestade de categoria 5, a classificação mais alta, era prevista para atingir o arquipélago entre o último domingo e hoje (2). Depois, ela segue para a Costa Leste dos Estados Unidos, onde autoridades pediram a retirada de mais de 1 milhão de pessoas na Flórida, Geórgia e Carolina do Sul.

USA TODAY Opinion

Com ventos de até 322 km/h, a tempestade arrasou as ilhas do arquipélago e, até o momento, causou a morte de uma criança de sete anos. Segundo a imprensa local, o menino morreu afogado devido ao aumento do nível do mar nas ilhas Ábaco. 

Segundo a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelhe, o furacão danificou ou destruiu mais de 13 mil casas. 

Moradores publicaram na internet vídeos da água subindo e os ventos fortes que viraram carros e barcos. Os primeiros relatos foram publicados no final da manhã de ontem, 1º de setembro. Neles, dá para ver os ventos fortes vindos do oceano:

A tempestade já acontecia quando pessoas estavam fora de suas casas. O National Hurricane Center (NHC), órgão americano que acompanha o avanço do furacão Dorian, alertou pessoas a buscarem abrigo antes da tempestade chegar às ilhas.  

Imagens também mostram o efeito devastador do furacão nas Bahamas. Os ventos fortes e chuvas causaram pânico entre moradores. 

Em pouco tempo, a elevação das águas em decorrência de inundações ameaçava engolir casas. 

Algumas horas após a passagem do furacão, as ilhas de Ábaco se encontravam completamente destruídas, com casas em pedaços, carros à deriva e até barcos virados nas inundações que permaneceram após a tempestade começar a cessar. 

Outros vídeos mostraram estragos em pontos sem inundações. 

Um dos vídeos mais virais do furacão foi de um morador que mostrou o rastro de total destruição dentro de uma casa. As imagens revelam um ambiente completamente arrasado: fiação pendurada, telhado e paredes arrancados e móveis em pedaços no chão. 

No último boletim divulgado na manhã desta segunda-feira (2), o NHC informou que o Dorian estava a cerca de 50 quilômetros ao leste-nordeste de Freeport, principal cidade da Ilha da Grande Bahamas. 

O ciclone tem rajadas de vento que são superiores a 320 km/h e eleva o nível do mar em até sete metros, o que pode gerar “ondas destrutivas”. 

O furacão continuará arrasando as Bahamas durante o dia e o NHC recomenda que moradores se abrigam em lugares seguros, inclusive os moradores de Ábaco. 

*Com informações da Agência Reuters.