COMPORTAMENTO
03/07/2019 01:00 -03

5 razões que explicam por que você não consegue dormir bem à noite

A privação do sono não é uma mera inconveniência. Os distúrbios de sono estão associados ao aumento do risco de morte, doenças cardiovasculares, obesidade, hipertensão e intensa fadiga.

EMS-FORSTER-PRODUCTIONS via Getty Images
No Brasil, cerca de 73 milhões de pessoas têm dificuldades para dormir, de acordo com a Associação Brasileira do Sono (ABS).

Você passa o dia todo com sono, mas chega a hora de deitar na cama para dormir e simplesmente o cansaço desaparece. Se reconhece nessa situação? Você não é o único. 

No Brasil, cerca de 73 milhões de pessoas têm dificuldades para dormir, de acordo com a Associação Brasileira do Sono (ABS). Muitas vezes, negligenciamos os benefícios do sono porque precisamos estudar mais, trabalhar mais, produzir mais ou simplesmente trocamos o tempo do relaxamento para nos mantermos conectados.

Em outros casos, a insônia é uma doença crônica que pode estar ligada a outros problemas de saúde, como ansiedade, depressão e fortes dores de cabeça. Para boa parte da população, dormir 8 horas por noite é um luxo.

No entanto, a privação do sono não é uma mera inconveniência. Os distúrbios de sono estão associados ao aumento do risco de morte, doenças cardiovasculares, obesidade, hipertensão e intensa fadiga.

Por isso, é preciso prestar atenção nos sinais de alerta que indicam que a situação pode estar se tornando séria. Além de consultar um profissional de saúde, listamos 5 motivos pelos quais você não consegue dormir bem à noite.

1. A cafeína continua no seu organismo 

Evite beber café ou bebidas energéticas pelo menos 4 horas antes de ir dormir. Se você se considera sensível à cafeína, opte por tomar a bebida apenas pela manhã.

2. Você está fazendo exercícios muito tarde

Fazer atividade física é ótimo para a sua saúde, mas, em algos casos, o estímulo pode atrapalhar o seu sono, caso seja realizado muito perto da hora de se deitar. Isso porque o exercício físico estimula o metabolismo e acelera os batimentos cardíacos.

3. Construa um ambiente aconchegante no seu quarto e afaste o celular

Às vezes, tudo o que está faltando para uma boa noite de sono é um quarto mais escurinho, com uma vela aromatizada e um lençol limpo. A luz é altamente estimulante para o nosso corpo, inclusive, as luzes da tela de celular. Evite ficar conectado aos smartphones imediatamente antes de dormir. Quando somos expostos à luminosidade durante a noite, isso afeta a produção de melatonina no nosso organismo.

4. Uma taça de vinho até vai, mas álcool em quantidade elevada afeta o sono

O ideal é evitar o consumo de bebidas alcoólicas até 6 horas antes de dormir. A bebida pode até induzir o sono, mas afeta 100% a qualidade da noite. O álcool tem efeitos diretos nos ciclos do sono, principalmente na fase de sono profundo, o REM.

5. Alergias, espirros, coceira...

Situações comuns de alergia, como o nariz entupido e os olhos lacrimejando, afetam a qualidade do seu sono. De acordo com estudos, pelo menos 59% das pessoas com alergias respiratórias enfrentam dificuldades na hora de dormir.

Uma das melhores maneiras de diminuir esses efeitos é manter limpos o quarto e a roupa de cama. Tomar um banho imediatamente antes de deitar no colchão também ajuda.