NOTÍCIAS
11/03/2020 23:42 -03

Aulas e eventos com aglomerações, como a manifestação do dia 15, estão suspensos no DF

Decisão do governador Ibaneis Rocha tem objetivo de restringir a disseminação do coronavírus e vale por 5 dias.

skaman306 via Getty Images
Nesta quarta-feira, a OMS (Organização Mundial de Saúde) mudou o status do coronavírus de epidemia para pandemia.

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, decidiu nesta quarta-feira (11) suspender por 5 dias aulas em escolas públicas e privadas e eventos com aglomerados de pessoas na capital do país. A proposta é restringir a disseminação do coronavírus

De acordo com a publicação em edição extra do Diário Oficial do DF a paralisação vale para eventos com público superior a 100 pessoas que exija licença do Poder Público. Este item vale para a manifestação “pró-Brasil” prevista para o próximo domingo (15).

As regras atingem aulas em todas as escolas, incluindo institutos de ensino superior, tanto públicas quanto particulares. O prazo da decisão é prorrogável pelo menos período, mas também pode ser revisto a qualquer momento.

Bares e restaurantes foram orientados a observar distância mínima de 2 metros entre as mesas.

No DF, há dois casos confirmados, um deles é o único grave do País, de uma mulher de 49 que esteve na Itália e tem uma doença crônica. O outro caso é do marido dela, que também esteve na viagem. Há ainda 78 casos suspeitos.

A medida do governador veio logo após a OMS (Organização Mundial de Saúde) mudar o status da infecção de epidemia para pandemia.