NOTÍCIAS
30/12/2019 10:23 -03

Maioria prefere que governo priorize área social no combate à violência, aponta Datafolha

Criação de emprego e melhoria na educação aparecem como preferência em vez de fortalecimento das polícias.

Ricardo Moraes / Reuters
Mais pobres e com menor grau de instrução tendem a apostar em mais investimentos na polícia no combate à violência, mostra pesquisa Datafolha.

Pesquisa Datafolha, divulgada nesta segunda-feira (30), indica que a maioria dos brasileiros (57%) prefere que o governo priorize investimentos na área social para combater a violência no País.

O índice é alto mesmo entre aqueles que apoiam o presidente Jair Bolsonaro — eleito com discurso de fortalecimento da segurança e das polícias. Do total de entrevistados que aprovam o governo, 51% preferem priorizar a área social.

Investimento em polícias, com treinamento e compra de equipamento, foi apontado como preferência para conter a violência por 41% dos entrevistados.

De acordo com a sondagem, diferença de gênero não causa impacto na avaliação, as principais alterações estão relacionadas à idade, à escolaridade e à renda dos entrevistados.

Quanto mais jovem, maior a chance de preferir a área social. Mais pobres e com menor grau de instrução tendem a apostar em mais investimentos na polícia.

A pesquisa, publicada na Folha de S.Paulo, também registrou que 72% dos brasileiros têm medo de sair à noite. O indicador é maior entre as mulheres — 79%. Entre os homens, o índice é de 63%. O percentual também é maior entre os mais pobres e mais velhos.

Eleições nos EUA
As últimas pesquisas, notícias e análises sobre a disputa presidencial em 2020, pela equipe do HuffPost