MULHERES
15/02/2019 20:07 -02

Damares diz que pais de meninas deveriam fugir do Brasil devido à violência

"Você está no pior país da América do Sul para criar meninas", disse a ministra da Mulher.

SERGIO LIMA via Getty Images

Em entrevista à rádio Jovem Pan nesta sexta-feira (15), a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, disse que pais de meninas deveriam fugir do Brasil diante dos altos índices de violência contra a mulher.

O conselho foi dado após Damares citar dados de que o País é o mais violento da América do Sul para as mulheres.

“A gente vê aí um quadro que a gente vai precisar mudar. Veja só. Agora a gente recebeu uma pesquisa de que o Brasil é o pior país da América do Sul para criar menina. Meu Deus! O pior da América do Sul”, disse.

“Veja só. Se eu tivesse que dar um conselho para quem é pai de menina, mãe de menina, era ‘foge do Brasil’. Você está no pior país da América do Sul para criar meninas”, afirmou a ministra à rádio.

Em seguida, a ministra defendeu uma “revolução cultural” para reduzir os índices de feminicídio no País.

“Um dos índices que leva a esses resultados é o abuso sexual de meninas. Há pesquisas que indicam que uma a cada três meninas no Brasil será abusada até os 18 anos de alguma forma”, explicou Damares.

“Vamos ter que rever essa questão da proteção e defesa da mulher com uma grande revolução cultural, lá na escola. Não adianta fazer só a repressão, vamos ter que trabalhar uma mudança de comportamento no Brasil.”

Ao Globo, a assessoria do ministério afirmou que os dados citados por Damares são de um relatório feito pela ONG Save the Children e a fala da ministra estava “retirada de contexto”. 

“A fala da ministra aparenta ser um conselho. Na verdade, ela chama a atenção para o problema, demonstrando a dramaticidade da situação atual”, afirmou a assessoria do Ministério.

Não silencie!

“Foi só um empurrãozinho”, “Ele só estava irritado com alguma coisa do trabalho e descontou em mim”, “Já levei um tapa, mas faz parte do relacionamento”.

Você já disse alguma dessas frases ou já ouviu alguma mulher dizer? Por medo ou vergonha, muitas mulheres que sofrem algum tipo de violência, seja física, sexual ou psicológica, continuam caladas.

Desde 2005, a Central de Atendimento à Mulher, o Ligue 180, funciona em todo o Brasil e auxilia mulheres em situação de violência 24 horas por dia, sete dias por semana. O próximo passo é procurar uma Delegacia da Mulher ou Delegacia de Defesa da Mulher. O Instituto Patrícia Galvão, referência na defesa da mulher, tem uma página completa com endereços no Brasil. Clique aqui.