NOTÍCIAS
30/06/2020 21:20 -03

As impressionantes imagens do ciclone de Santa Catarina

Rajadas de vento que chegaram a 100 km/h destelharam casas, derrubaram árvores e causaram mortes.

Reprodução/YouTube/NSC Total/Marcelo Benez
"Ciclone" destelha imóvel na praia de Jurerê, em Florianópolis.

Um vendaval sacudiu Santa Catarina nesta terça-feira (30). Descrito como ciclone por centenas moradores do estado, o fenômeno é na verdade chamado “ciclone-bomba”, pois além da ventania intensa, há uma rápida queda na pressão atmosférica.

As rajadas de vento atingiram mais de 100 quilômetros por hora e causaram ao menos 3 mortes no estado e uma série de estragos em diversos municípios catarinenses.

Limpadores de um prédio na turística Balneário Camboriú enfrentaram momentos de tensão enquanto vendaval e chuva quase os derrubaram:

Os ventos fortes atingiram com força o sistema elétrico de diversas regiões, e mais de 1,5 milhão de imóveis ficaram sem energia.

Em Floripa, casas e prédios foram destelhados. O vendaval também derrubou árvores.

Não foi apenas na Grande Florianópolis e nas cidades litorâneas que o vendaval causou danos. Os vídeos abaixo foram filmados em Blumenau, no interior:

De acordo com o site do jornal Diário Catarinense, duas pessoas morreram em função das rajadas de vento na Grande Florianópolis: em Tijucas e em Santo Amaro da Imperatriz. O G1 informa que uma idosa de 78 anos morreu ao ser atingida por uma árvore em Chapecó, no interior.