POLÍTICA
23/03/2019 15:08 -03

'Não querem largar a velha política', diz Bolsonaro em evento no Chile

Afirmação do presidente intensifica confronto com Rodrigo Maia, presidente da Câmara.

NELSON ALMEIDA via Getty Images

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou neste sábado (23) que algumas pessoas “não querem largar a velha política” no Brasil.

De acordo com o presidente, a responsabilidade pela reforma da Previdência está com o Parlamento brasileiro.

“Temos preocupações, sim, por questões da reforma da Previdência e queremos aprovar. Entendemos que é o único caminho para alavancar o Brasil para o lugar de destaque que nós merecemos estar”, afirmou o presidente durante encontro com o presidente chileno, Sebastian Piñera.

A fala de Bolsonaro se dá após o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cobrar mais participação do presidente nas negociações do governo.

De acordo com Maia, Bolsonaro não pode “terceirizar a articulação” política com o Congresso.

Em entrevista ao Estadão, o deputado subiu o tom e afirmou que o governo não tem projeto para o País que vá além da reforma.

“O governo é um deserto de ideias”, declarou. “Se tem propostas, eu não as conheço. Qual é o projeto do governo Bolsonaro fora a Previdência? Não se sabe”.

Maia chegou a dizer a aliados que deixaria de articular pela reforma se continuasse sendo criticado. Porém, ele afirmou que seguirá defendendo o projeto, mas dentro do Congresso.

“O presidente da Câmara, que sou eu, vai continuar dentro da Câmara, dialogando com os deputados, mas eu não tenho responsabilidade e nem o governo pode me delegar responsabilidade de construir uma base para o governo”, afirmou.