NOTÍCIAS
31/05/2019 12:35 -03 | Atualizado 31/05/2019 12:37 -03

Bolsonaro cobra ministro evangélico no STF: ‘Será que não está na hora?’

“Não me venha a imprensa dizer que quero misturar a Justiça com religião”, disse o presidente.

ASSOCIATED PRESS
“Existe algum entre os 11 ministros do STF evangélico, cristão?”, perguntou Bolsonaro.

O presidente Jair Bolsonaro cobrou nesta sexta-feira (31) a presença de um ministro evangélico no STF (Supremo Tribunal Federal). Em um evento na Assembleia de Deus, em Goiânia, ele disparou: “Será que não está na hora de termos um ministro do STF evangélico?”.

Ele também questionou a religiosidade dos atuais ministro. “Existe algum entre os 11 ministros do STF evangélico, cristão?”, disse. Há, no entanto, ao menos um ministro do STF publicamente declarado religioso. A ex-presidente da corte ministra Cármen Lúcia é católica.

A ministra, porém, deixa a religião fora do plenário do STF. “A Constituição é a nossa Bíblia e o Brasil é nossa religião”, costuma dizer. A função da instituição é resguardar a Constituição.   

Há na corte uma Ação Direta de Inconstitucionalidade por Omissão (ADO) que questiona a omissão do Congresso Nacional em não editar lei que criminalize atos de homofobia. No evento para evangélicos, Bolsonaro criticou o fato de a corte ter iniciado este julgamento. “Desculpa o Supremo. Eu jamais atacaria um outro poder, mas não estão legislando?”

O julgamento, no entanto, saiu da pauta do STF após o presidente da corte, ministro Dias Toffoli, se comprometer em assinar um pacto pela governabilidade do presidente.

 

Estado laico

Bolsonaro aproveitou a ocasião para dizer que o Estado é laico, mas que ele é cristão. “Se me permitem plagiar a ministra Damares, eu também sou terrivelmente cristão.” Em mais uma crítica à imprensa, acrescentou: “Não me venha a imprensa dizer que quero misturar a Justiça com religião”.

Ele também afirmou que mostrou que a imprensa está errada. “Neste momento os senhores têm um presidente da República e um governador [Ronaldo Caiado (DEM)] que estão fazendo de tudo para que tudo aquilo que foi prometido durante a campanha seja realizado efetivamente ao longo do mandato”, disse.