COMPORTAMENTO
01/01/2020 07:07 -03 | Atualizado 01/01/2020 07:35 -03

As palavras sábias de Billie Lourd para quem está de luto neste período de festas

“Está tudo bem se não estiver tudo alegre e brilhante. Pode ser uma mistura de tudo isso": O conselho da atriz, filha de Carrie Fisher, sobre celebrar sem um ente querido.

A atriz Billie Lourd sabe como as férias podem ser um misto de alegria e tristeza quando se perde um ente querido. 

A mãe de Lourd, Carrie Fisher, e a avó Debbie Reynolds morreram 2 dias depois do Natal, em 2016. Como já fez no passado, Lourd compartilhou alguns pensamentos reconfortantes sobre como lidar com o luto durante as festas. 

“Boas festas! (Mas também festas tristes/emocionais/esquisitas/estressantes!)”. Lourd, 27 anos, escreveu em um post da Instagram ao lado de uma tocante foto dela com Fisher e Reynolds.

“Enviando meu amor a todos que perderam alguém que amavam e hoje estão sentindo um pouco a mais a falta deles”, escreveu Lourd. “Está tudo bem se não estiver tudo alegre e brilhante. Pode ser uma mistura de tudo isso. E está tudo bem. Sinta todos os sentimentos - o bom e o não tão bom. Coma algo delicioso que eles costumavam amar. Ponha uma das suas canções favoritas. Conte uma história sobre eles. Chore por eles. Ligue para um dos amigos deles com quem você não fala há algum tempo. Seja gentil e paciente com você mesmo. Não sofra em silêncio. Você não está sozinho.”

Lourd, que seguiu os passos da sua mãe ao aparecer na franquia Star Wars, muitas vezes compartilha memórias de Fisher e Reynolds, que tinham 60 e 84 anos, respectivamente, quando morreram.

Em outubro, a atriz de American Horror Story compartilhou um clipe no Instagram cantando “American Girl”, do Tom Petty and The Heartbreakers, observando que era uma das músicas favoritas da mãe.

“Hoje seria o 63º aniversário da minha mãe”, escreveu Lourd na legenda do post de 21 de outubro. “Não que eu seja algum tipo de especialista em luto, mas em marcos (ou o que quer que você queira chamá-los) como este, eu gosto de celebrá-la fazendo coisas que ela gostava de fazer. Então aqui está um pequeno vídeo em que eu canto uma de suas músicas favoritas (‘American Girl’, do Tom Petty) em um de seus lugares favoritos (sua banheira, é claro)”.

Fisher morreu em 27 de dezembro, poucos dias depois de sofrer um ataque cardíaco enquanto estava a bordo de um voo de Londres para Los Angeles. A  avó de Lourd, ícone da tela Reynolds, morreu após sofrer um ataque cardíaco um dia depois.

Jason LaVeris via Getty Images
Carrie Fisher, Debbie Reynolds e Billie Lourd em 2015.

Lourd - cujo pai é o agente de talentos Brian Lourd - falou abertamente sobre o processo de luto e o que é manter o legado de sua família, ao mesmo tempo em que arranja um espaço para si mesma. 

“Sempre vivi à sombra delas e agora é a primeira vez em que tenho a minha vida e fico sozinha”, disse Lourd, em uma entrevista na Town & Country. “Adoro ser filha da minha mãe, e é algo que sempre serei, mas agora posso ser apenas Billie”.

 

* Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.