ENTRETENIMENTO
06/03/2020 16:01 -03

BBB: Prior, Manu e Gizelly vão para o Quarto Branco

Ivy venceu a Prova do Anjo na tarde desta sexta (6) e indicou Prior, que levou Manu e Gizelly para o temido quarto monocromático.

A modelo mineira Ivy venceu a Prova do Anjo, que terminou às 15h30 desta sexta (6) e mandou Pryor direto para o temido Quarto Branco. O Arquiteto, por sua vez, arrastou Manu e Gizelly junto com ele para a tortura monocromática que fez sucesso nas edições de 2009 e 2010. 

“Eu vou infernizar a vida dele”, disse Gizelly para Daniel sobre a escolha de Prior, que completou para o arquiteto brincando: “Agora a gente pode beijar na boca. Você não queria dormir de conchinha quando a gente se beijou na festa? Agora vai dar”.

Como funciona o Quarto Branco no BBB20 

Reprodução/TV Globo
branco

Em 2020, o Quarto Branco levar três participantes ao Paredão. O primeiro indicado pelo vencedor da Prova do Anjo como o castigo do monstro. Essa pessoa indicará mais dois brothers para acompanhá-lo ao famigerado cômodo monocromático.

Esses três pessoas estarão automaticamente no Paredão, mas se um deles quiser desistir ou se sacrificar pelos colegas, poderá apertar o botão e apenas ele vai à berlinda.

Se isso acontecer, o Paredão será com ele, o escolhido pelo líder e o escolhido pela casa. Caso os três brothers aguentarem juntos a experiência do Quarto Branco, a berlinda contará com cinco participantes: os três do Quarto Branco, o escolhido pelo líder e o escolhido pela casa. 

A punição do Quarto Branco dura até a noite de domingo.

A Prova do Anjo

Reprodução/TV Globo

Mesmo anunciada para acontecer na manhã desta sexta (6), a Prova do Anjo começou já bem perto das 14h. Isso porque, além da demora em montar toda a estrutura do jogo na área externa da casa, o sorteio que decidiu os brothers que participariam da prova foi uma total confusão. E a culpa foi do apresentador Tiago Leifert.

Sentados na sala da casa, os participantes tinha de sortear bolinhas vermelhas ou brancas. Eram 13 bolinhas, oito vermelhas e cinco brancas. As vermelhas indicavam quem teria uma chance de ser o anjo da semana.

Manu, Victor Hugo, Ivy, Flay, Gi, Thelma e Rafa sortearam bolinhas vermelhas. Mas antes de Rafa sortear sua bolinha, Leifert se confundiu com a contagem e disse que só faltava uma para fechar o grupo de oito participantes da prova. Assim que Rafa tirou uma vermelha, Babu e Prior nem tiraram suas bolinhas, achando que já estavam eliminados.

Porém, ao contar o número de brothers que tiraram as bolinhas vermelhas, o apresentador se tocou que acabou se confundindo na conta, para a revolta geral dos brothers. 

“Estou tomando uma bronca porque eu não posso deixar essa bagunça na hora do sorteio. Me empolguei com vocês e me enganei”, reclamou Leifert, que emendou com uma brincadeira: “Perdi 330 estalecas”.

Logo depois o apresentador se desculpou com Babu e Prior e os dois puderam participar do sorteio. Babu escolheu primeiro e tirou o desejada bolinha vermelha.

Prior perdeu a paciência. “Não participo de p... nenhuma mesmo!”, esbravejou o arquiteto. “Calma, vou jogar por você”, disse Babu, mas as palavras do ator não acalmaram Prior, que rebatou: “Eu queria poder participar pelo menos uma vez”.

Definido o grupo, eles foram para a área externa participar de um jogo arrastado e com regras um pouco confusas. 

Era uma prova patrocinada por uma montadora de automóveis que está veiculando um dia de ofertas de carros neste final de semana. Cada brother tinha de arremessar uma bolinha um uma tela com números. Aí, o participante pegava um cartão com esse número e ele tinha de colocá-lo em um painel para tentar chegar o mais perto possível do valor promocional de um modelo específico da montadora. Uma mistura de sorte com “acerte o preço”. 

Terminadas as longas e chatas rodadas, Babu, Gizelly, Ivy e Rafa chegaram mais perto do valor do carro e se classificaram para uma outra entediante fase, que era a mesma prova, só que com um automóvel diferente.

Ivy venceu e se transformou no novo anjo, mandando Prior automaticamente para o Quarto Branco, que escolheu Manu e Gizelly para acompanhá-lo.