OPINIÃO
31/03/2020 10:21 -03 | Atualizado 31/03/2020 10:33 -03

Em meio à crise, Brasil está rachado: você é #foraprior ou #foramanu?

Disputa nas redes sociais entre jogadores de futebol, artistas e até Eduardo Bolsonaro apimentam o Paredão da noite desta terça (31).

Em meio à maior crise de saúde/econômica/social do século, o Brasil acordou nesta terça (31) dividido. Mas o motivo não tem nada a ver (talvez em partes) com a pandemia do coronavírus, e sim com o paredão desta noite do Big Brother Brasil. Você é #foraprior ou #foramanu?

Impulsionado por cabos eleitorais poderosos, como os boleiros Neymar e Gabigol de um lado e a atriz e digital influencer Bruna Marquezine do outro, a disputa entre o arquiteto e a cantora/atriz pela permanência no reality show ganhou proporções absurdas.

Reprodução
Você é #foraprior ou #foramanu?

Tanto que Tiago Leifert anunciou, ainda na noite desta segunda (30), que os votos do público acabavam de ultrapassar a barreira dos 550 milhões. “Será que vamos chegar à marca do bilhão?”, questionou o apresentador do programa na transmissão ao vivo.

Parece que a quarentena está afetando o brasileiro mais do que ele imagina. 

Fla x Flu Brumar

A coisa começou a ganhar um tamanho desproporcional quando Neymar entrou de vez na disputa. Principalmente porque a maior torcedora de Manu Gavassi desde o primeiro dia do BBB é a atriz Bruna Marquezine, sua ex-namorada.

E o fogo no parquinho continuou a pegar quando Richarlison, craque do Everton, da Inglaterra, e o ídolo flamenguista Gabriel Barbosa (vulgo Gabigol) resolveram sortear camisetas de seus times autografadas caso Manu fosse eliminada.

O que já estava ruim, ficou ainda pior para a cantora/atriz - que já afirmou que detesta futebol - quando ela ganhou a torcida de um jogador: o zagueiro David Luiz. Ele é a personificação da derrota mais acachapante da história da seleção brasileira, o fatídico 7 a 1 para a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo de 2014, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). A internet, claro, não perdoou. Era mais um ponto para Felipe Prior.  

Mas, aí, o jogo começou a virar

Com o passar das horas, o apoio massivo de Marquezine e outros artistas como IZA, Cleo Pires, Zélia Duncan, Marina Ruy Barbosa, Larissa Manoela, Giovanna Ewbank, entre outros, além das brigas entre Prior e seu maior aliado na casa, o ator carioca Babu Santana, nivelaram o jogo.

Marquezine montou quase um esforço de guerra para manter a amiga na disputa pelo grande prêmio do Big Brother Brasil.

E parece que está dando certo.

A pressão foi tão grande que o próprio Neymar voltou atrás e levantou a bandeira da paz e agora está oficialmente em cima do muro.

Um plot twist daqueles

Se essa briga já parecia suficientemente bizarra, fomos surpreendidos novamente! Crítico ferrenho da Rede Globo e com coisas, digamos, mais importantes para se preocupar, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) entrou na briga do BBB. O que pode ser até um tiro de misericórdia na campanha pró Pior.

O público está vendo

No programa da noite desta segunda, o constante estado pilhado de Prior vem depondo contra ele. Além de toda a história do famigerado Teste de Fidelidade que ele parecia ter superado (mas que ficou entalado na garganta de muita gente por suas atitudes e frases machistas), o brother parece estar cavando a própria sepultura ao brigar com Babu.

A briga em si, por conta dos votos para o último paredão, não foi grande coisa, mas as críticas pelas costas que ele passou a fazer ao então inseparável amigo estão pegando mal. Isso sem falar de algo que ele simplesmente não consegue entender: a ligação entre Babu e a médica Thelma, ambos negros.

“Todos os homens saíram, só uma mulher saiu, você acha que a mulher negra vai para o paredão e você bater de frente com ela?”, questionou o ator quando Prior falou que Thelma não era leal a ele. 

“Então dá o prêmio para ela”, rebateu o arquiteto, revoltado. “Não é dá o prêmio para ela, cara. Toda a sociedade se fecha para isso”, respondeu Babu. “Eu não vejo isso não, Babu, desculpa”, retrucou Prior. “Claro, porque você não sente na pele, só quem é que sabe”, concluiu o ator. Touché.

Manu, por outro lado, se mostrou diversas vezes solidária a Prior, mesmo não morrendo de amores por ele e sendo sincera com suas intenções no jogo. Uma mudança radical na atitude blasé que tinha nas primeiras semanas do reality.

Mesmo assim, se Prior parece não entender como o racismo afeta a sociedade brasileira, a cantora/atriz já se envolveu em um episódio classificado por muita gente nas redes sociais como racista.

Quando o ator gaúcho Daniel ainda estava na casa e formava um casal com a médica Marcela (ambos brancos, loiros e de olhos claros), Manu comentou à dupla de amigos: “Esteticamente falando, vocês são extremamente agradáveis. Parabéns”.

Ou seja, o público está vendo e, definitivamente, lembra de tudo. O que transforma o Paredão da noite desta terça o mais emocionante e dividido do BBB20 até aqui.