OPINIÃO
07/03/2014 14:36 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:12 -02

Racionamento de água: respostas para as principais perguntas

Afinal, vai faltar água? Mas não tem chovido em São Paulo nos últimos dias? Não adiantou nada? Vai ter racionamento? As respostas para as principais perguntas.

Todo dia vejo no jornal que o índice do tal Sistema Cantareira cai. Vai faltar água?

É muito provável que sim. O recorde de índices baixos vem sendo batido todos os dias e nada parece melhorar essa situação.

Mas tem chovido em São Paulo nos últimos dias. Não adiantou nada?

Pior é que não. Mesmo com essas chuvas, o índice do mês de março até agora é muito menor do que costuma ser: cerca de 39 milímetros de chuva. Normalmente, já deveria ter chovido mais de quatro vezes esse valor (184,1 milímetros de chuva).

E nos outros meses?

Em fevereiro, deveria ter chovido 202 milímetros, mas só vieram 73 milímetros. Em janeiro, normalmente caem 260 milímetros, mas em 2014 o total foi de 88 milímetros.

O sistema Cantareira é o único que abastece São Paulo? Por isso que só falam dele?

Não, existem outros, o Cantareira é o maior de todos, portanto, o mais importante. São seis sistemas usados para fornecer água para a Grande SP. O Cantareira produz 45% da água e o Alto-Tietê, 20,5%, para você ter uma ideia.

Por que choveu tão pouco?

O pessoal do Climatempo disse que foi por causa de um sistema quente e seco que se formou sobre o sudeste do Brasil e ficou parado por ali entre o final do ano passado e começo desse ano. Aí as frentes frias que levam umidade para essa região não conseguiram chegar ali, causando a estiagem. É melhor você ver o vídeo para entender melhor.

O aquecimento global tem culpa nisso?

Ainda não é um consenso entre os especialistas, mas tudo indica que sim. Essa falta de chuva daqui do sudeste brasileiro tem a ver, aliás, com o frio intenso e a neve que não para de cair no hemisfério norte.

E agora? Se chover todos os dias dá para recuperar a água?

É muito difícil. Mesmo que chova bastante, é improvável que o sistema volte ao normal rapidamente. Além disso, agora estamos chegando perto da estação mais seca do ano no sudeste, o que deve piorar o problema.

Então vai ter racionamento?

Não sei, mas eu apostaria que sim. A campanha que a Sabesp fez para que as pessoas economizassem água funcionou, mas ela sozinha não consegue lidar com a demanda.

LEIA MAIS:

- Brasil Post: Mesmo com medidas preventivas, Sistema Canteira tem mais um recorde negativo: de 15,8% (INFOGRÁFICO)

- UOL: Cantareira chega a 16,1%

- Fantástico: Especialistas explicam calor extremo deste verão no Brasil

- Climatempo: Por que parou de chover no Sudeste?

- UOL: Veja quais são os reservatórios de água da Grande SP

- Folha: Corrente de vento rápidas explicam ondas de calor e frio