OPINIÃO
13/07/2015 18:46 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:40 -02

4 iniciativas que mostram que há espírito de comunidade em SP

Eu fico impressionada com a quantidade de programas comunitários que São Paulo tem para oferecer aos seus cidadãos. É impressionante que projetos em grande escala sejam capazes de tomar forma e se tornar tão bem sucedidos em uma cidade

ROBSON SOUZA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CON

Eu fico impressionada com a quantidade de programas comunitários que São Paulo tem para oferecer aos seus cidadãos. É impressionante que projetos em grande escala sejam capazes de tomar forma e se tornar tão bem sucedidos em uma cidade como São Paulo. Em comparação com outras cidades do mundo, eu acho que a consciência cultural e a vontade de compartilhar e trocar é muito elevada em São Paulo. Além disso, acredito que o "buzz" em torno de novas idéias é particularmente agudo para uma cidade que está sobrecarregada por uma burocracia pesada. Algumas entidades e futuros projetos vêm à mente quando penso na ênfase da comunidade brasileira. Dentro os quais se destacam: a extensão dos centros SESC, a Virada Cultural, que acontece anualmente em São Paulo, as ciclofaixas expandidas nos fins de semana, e o futuro projeto do Minhocão.

Minha experiência com cada um desses projetos tem sido muito positiva e reforçou a ideia de que os brasileiros valorizam suas unidades comunitárias. Não são pessoas introvertidas e excludentes, mas sim abertas à partilha e ao intercâmbio de ideias com outras pessoas dentro de suas comunidades. Elas saúdam atividades sociais e estão sempre interessadas em aprender sobre culturas e ideias.

Sesc: Eu admito: eu conheço apenas alguns Sescs. Porém, li muito sobre o conceito e recentemente visite um em particular: o Sesc Poméia. O Sesc é uma instituição brasileira que atua na educação, saúde, lazer e no setor cultural. Sua renda vem de alguns contribuintes, mas o seu principal objetivo é promover serviços e atividades culturais a esses trabalhadores e à comunidade em geral. Os centros são baseados em uma ideia surgida em meados de 1940, que permitia que os membros da comunidade tivessem acesso a aulas, visitas médicas, comidas nos refeitórios, a exposições e palestras. O Sesc é uma incrível fonte de recursos para seus membros e para a comunidade em geral. Este ano, eu assisti a uma palestra da Marina Abramovic, que estava fazendo uma residência no Sesc Pompéia. Ela também foi inspirada pela ideia de intercâmbio cultural e escolheu o Sesc como o local para a sua residência de sete semanas, onde ela ensinou, orientou e falou aos estudantes e fãs.

Piscina do Sesc Belenzinho

Virada Cultural: Apenas uma vez por ano, este encontro de 48 horas de eventos culturais reúne pessoas de todas as esferas criativas, sem nenhum custo. Durante dois dias, através da dança, música, arte e literatura, a cidade ganha vida com entusiasmo e apreço. Durante o fim de semana, se você estiver interessado em assistir a uma obra de teatro nàs 4h da manhã - é possível. A ideia de usar o centro da cidade como pano de fundo para abrigar eventos criativos de boas-vindas é verdadeiramente inspirador. Há presentações de dança debaixo de uma passagem movimentada subterrânea às 5h de manha, concertos em praças públicas ao redor do relógio, e o Teatro Municipal fica aberta toda noite deixando a cidade viva. Além disso, o fato do evento ocorrer no centro, um bairro relativamente perigoso, é um sinal de que a cidade está disposta a reviver alguns aspectos da cidade que foram esquecidos.

Minhocão: Atualmente, funciona para pedestres apenas aps domingos, e o espírito do projeto de transformar o local em um parque como o High Line de Nova York já é palpável. Aos domingos, a via fica fechada deixando o espaço aberto para os corredores, ciclistas, patinadores e caminhões de alimentos. Nos próximos anos, o objetivo do Minhoão é tornar-se um belo parque elevado exclusivo para pedestres. O grupo de desenvolvimento urbano Movimento90 está se planejando para converter os lados dos edifícios próximos à via em jardins verticais, em um projeto incrível e ambicioso que, se concluído, tornar-se-à maior concentração de jardins verticais em todo o mundo. O suporte para o Minhocão existe e, lentamente, o projeto irá tomar forma criará um outro centro comunitario para a cidade.

Ciclofaixas: Muitas cidades têm investido em ciclovias como forma de incentivar o movimento e a diversão dos cidadãos. São Paulo também tem feito isso desde 2009 através da criação de ciclovias estendidas e, em alguns casos vias inteiras exclusivas para bicicletas aos finais de semana. Mais de 60 quilômetros de ciclovias estão disponíveis para uso, com períodos de uso determinados e voluntários para auxiliar na preservação do local. A quantidade de pessoas que utilizam este serviço é incrível e isso mostra o poder de projetos sociais que funcionam bem na cidade.

Estes são todos os sinais de cidadãos engajados que estão dispostos a fazer o melhor para sua própria cidade. Com poucos recursos, estes projetos podem e vem mudando a percepção de uma cidade no mundo.

VEJA TAMBÉM:

Galeria de Fotos Inauguração da ciclovia na Av. Paulista Veja Fotos