OPINIÃO
18/03/2014 15:49 -03 | Atualizado 26/01/2017 21:12 -02

5 dicas para não cair numa furada com hospedagem alternativa

O crescimento de locações em hospedagens alternativas pelo Airbnb, maior marketplace de reservas e acomodações online no mundo, no período da Copa tem registrado recorde nos país. A empresa conta hoje com 600 mil anúncios, incluindo castelos, barcos e casas da árvore em 194 países, e mais de 11 milhões de pessoas já se hospedaram pela plataforma.

Para os viajantes de primeira viagem em sites de hospedagem alternativa, selecionamos dicas para garantir a melhor experiência com o modelo que está virando tendência mundial.

1. Leia os comentários

Na hora de escolher um imóvel é importante verificar informações além da descrição do anfitrião, os comentários feitos pelos hóspedes anteriores podem ser inspiradores. As criticas irão ajudar a tomar uma decisão e ter uma base sobre o perfil do anfitrião e do lugar, tais como limpeza, comunicação e localização. Vale registrar que os comentários são autênticos, pois só podem ser feitos após a permanência do usuário no local.

2. Confira o selo de verificação nas fotos

No Airbnb, qualquer anfitrião pode solicitar um fotógrafo profissional gratuitamente para capturar a autenticidade do espaço e uma pitada de toque artístico. Para escolher um imóvel procure por fotos com a marca d'água "Airbnb.comVerifiedPhoto" no canto superior direito das fotos, que asseguram a legitimidade do anúncio. Propriedades em mais de 110 países dos 194 países que estamos presentes já foram fotografadas.

3. Reserva garantida

Antigamente, alugar uma casa para passar as férias ou um final de semana, era uma questão de confiança e sorte, muitas vezes nem conhecíamos o proprietário ou a propriedade.

Entretanto, com a criação de plataformas de aluguel de temporada isso acabou. Agora você tem a tranquilidade e segurança, pois as transações são através de um site.

Todo o processo é realizado pelo Airbnb, e o pagamento só é repassado para o anfitrião após 24 horas do seu check-in, garantindo que você consiga acionar a empresa o caso o local não esteja de acordo com as descrições do site. Neste caso o Airbnb se encarrega em procurar outro lugar semelhante para sua hospedagem.

4. Conheça seu Anfitrião (e a casa dele)

Hospedagem alternativa é uma experiência única e autentica, devido à troca de conhecimento e a oportunidade de viver como um morador local. Com a vantagem de que cada lugar será diferente.

Conheça o máximo possível do anfitrião e do espaço antes de fazer a reserva. É importante se atentar na descrição completamente, incluindo as regras e as comodidades da casa. Verifique a política de cancelamento, e se existe um depósito de segurança. Aproveite esse tempo para acessar o perfil do anfitrião e saber mais informações, tais como onde ele estudou, trabalha e o hobbies.

5. Comunique-se

Essa parte é simples: converse com o anfitrião pelo Airbnb. Durante o processo de escolha do lugar troque mensagens pela plataforma para tirar suas dúvidas, como: se existe transporte público perto, restaurantes ou se você precisa de algo especifico. Isso também pode ser feito na palma das suas mãos com o nosso app, que está disponível em várias línguas para iOS e Android.