Opinião

Fortaleça os maravilhosos bíceps femorais

Você já observou que as coxas também têm os próprios bíceps? Aqui vai uma dica para quem está iniciando: exercício em pé. Apoie-se numa cadeira, janela ou barra.

Você já observou que as coxas também têm os próprios bíceps? Se sim, excelente. Mas se jamais percebeu, aqui vai um incentivo: os bíceps femorais (região posterior das coxas) têm a função de flexionar os joelhos.

Na minha experiência profissional vi muitas pessoas não darem a mínima para exercitar essa região. Pois saiba que eles bem trabalhados contribuem para belas coxas e glúteos.

A natureza é perfeita. Todos os músculos precisam ser trabalhados, tanto para uma harmonia funcional como para a beleza estética.

Vamos lá! Se você é iniciante nem pense nas máquinas. Eu aconselho você a se iniciar livre, com caneleiras leves para perceber a flexão equilibrada, avançando aos poucos no aumento da carga.

Atenção para o aquecimento e alongamento: aqueça na bike, caminhada esteira ou na rua; duração entre 5 e 10 minutos; alongue após o aquecimento. Jamais alongue-se após o trabalho de fortalecimento! Você pode se lesionar. A musculatura está mais rígida, portanto o correto é alongar-se antes do seu treino de fortalecimento, logo após o aquecimento.

Eu amo treinar com máquinas, mas minha rotina de vida ainda não me permite voltar para uma academia e também não disponho de espaço físico para montar a academia dos meus sonhos. Eu sou extremamente a favor da musculação moderada. E para se obter força, somente exercícios com carga podem trazer essa maravilhosa proteção para os ossos e articulações.

Aqui vai uma dica para quem está iniciando: exercício em pé. Apoie-se numa cadeira, janela ou barra. Una os joelhos e mantenha o pé fletido da perna em execução. Também tenha consciência da contração abdominal, encaixe de quadril e uma postura estruturada com cabeça alinhada. Uma postura dos "deuses belos e confiantes". Na execução, o movimento é lento sem trancos na articulação.

Eu somente aconselho você evoluir para a máquina flexora quando já estiver acima de 6 quilos. Dessa forma você já terá muito mais consciência da força, mobilidade e a sua postura global.

No aparelho você também deve ter alguns cuidados importantíssimos, tais como: manter o encaixe de quadril para que a região lombar não acentue a lordose, a região cervical não pode ser tensionada, ou seja, a cabeça deve estar com a testa voltado para o chão, e jamais olhar para à frente.

E a cadeira flexora? Não e não. Eu somente aconselho em pé ou deitado.

Ame as escadas, os agachamentos que também estimulam esses músculos lindos e essenciais.

Até o próximo músculo!

Acompanhe mais artigos do Brasil Post na nossa página no Facebook.

Para saber mais rápido ainda, clique aqui.

MAIS TREINO NO BRASIL POST:

9 tipos mais comuns de frequentadores de academias