Opinião

A gargalhada é sua aliada

Rir da vida é enxergá-la por um prisma positivo e isso, minha gente, é vitamina para o sistema imunológico.
Esta postagem foi publicada na plataforma, agora fechada, do Colaborador do HuffPost. Os colaboradores controlam seu próprio trabalho, que são postados livremente em nosso site. Se você precisa denunciar este artigo como abusivo, envie-nos um e-mail.
Close up laughing couple hugging
Close up laughing couple hugging

Uma boa gargalhada é capaz de fazer maravilhas por você. Quem afirma é a Mayo Clinic, responsável por uma produção científica consistente e confiável. De pronto, ocorrem mudanças orgânicas, como o estímulo ao coração, aos pulmões e muscular - promovido pela inspiração profunda que acompanha a risada explícita. No âmbito cerebral, ocorre uma tempestade de endorfinas, responsáveis por uma sensação de bem-estar que droga nenhuma pode oferecer.

Rir da vida é enxergá-la por um prisma positivo e isso, minha gente, é vitamina para o sistema imunológico. Os neuropeptídios - cadeias de aminoácidos que distribuem pelo corpo as emoções que ocorrem no cérebro - espalham uma mensagem boa que, ao ser captada pelos receptores celulares, combate o estresse e até mesmo algumas doenças.

Algumas dores não são páreo para gargalhadas genuínas. Sim, elas também têm potencial analgésico. No campo das doenças psíquicas, como a depressão, rir é remédio coadjuvante ao tratamento convencional.

Se o bom humor não é exatamente seu companheiro de estrada, vale saber que é possível alimentá-lo, a ponto de vê-lo crescer e se estabelecer. Na hora de ir ao cinema, escolha a comédia. Ria de si mesmo - hábito dos mais saudáveis e excelente antídoto para a autopiedade.

Valorize as companhias divertidas, gente capaz de provocar o riso fácil. E, acima de tudo, evite tudo que invoca gratuitamente a tristeza.


VEJA TAMBÉM:

Como aliviar o estresse