profile image

Valter Camilo Júnior

Editor do Puta Letra.

Graduando em Direito pela PUC-MG. Idealizador e Co-Fundador do <a href="https://www.facebook.com/pages/Puta-Letra/1496965173885126?fref=ts" rel="nofollow">Puta Letra</a>, projeto cultural em desenvolvimento.
Insônia, pânico e stress: desafios no caminho para o

Insônia, pânico e stress: desafios no caminho para o sucesso

Fechar um negócio, desenvolver um produto e conquistar o público são problemas objetivos que fazem parte do cotidiano de profissionais. Existem outros problemas, no entanto, que são notadamente subjetivos, demandando um cuidado diferenciado.
24/05/2016 14:26 -03
Sobre amigos que curtiram Bolsonaro no Facebook: Poderia ser

Sobre amigos que curtiram Bolsonaro no Facebook: Poderia ser você

Mas, num momento de clareza, percebi que nem todos na lista eram bad people. Mais uma vez, poderia ter sido eu. Um curtida aqui, uma curtida ali, uma curtida acolá. Pimba! O Facebook te envia uma atualização de Jair Bolsonaro. Talvez você nem tenha percebido o vacilo, mas acaba de migrar para o lado ditadura da força.
28/04/2016 11:05 -03
O universo bugou, melhor resetar e começar do

O universo bugou, melhor resetar e começar do zero

Daí alguém pergunta qual é a solução. E você já sabe qual é. Revolução. Como, quando, onde? Ninguém sabe. E nem precisa saber. O objetivo é apresentar o problema e evidenciar que não há o que fazer a respeito. Isso produz aceitação. O que não podemos mudar não nos afeta.
08/04/2016 17:31 -03
Todo mundo odeia o Chris: quando tudo dá

Todo mundo odeia o Chris: quando tudo dá errado

"Todo mundo me odeia", ouço algumas pessoas dizerem. "Nada dá certo na minha vida", exclamam - menos no Facebook, onde todo mundo é feliz, claro. A lição que fica disso tudo é que devemos erguer a cabeça e seguir em frente, rumo ao próximo episódio. Todo mundo sofre. O que fazer com o seu sofrimento é problema seu. E, seja lá qual for a sua escolha, você estará certo.
08/04/2016 17:22 -03
Uma carta de amor para todos os meus

Uma carta de amor para todos os meus amores

Amei. E o fiz por incontáveis vezes ao longo dos anos, em frenesi. Agarrei com unhas e dentes todos os destinos possíveis. Sem escolher nenhum deles, convivi com esse turbilhão de cenários imaginários que agora me sufocam. Nunca deixei ninguém partir - estou convencido de que sou um acumulador de amores. Estranho? Egoísta? Não há dúvidas.
05/04/2016 11:14 -03
Quem nunca assistiu

Quem nunca assistiu pornô?

Crianças são curiosas, vivem fazendo pergunta atrás de pergunta, esperando respostas que muitas vezes não podemos dar (por medo, constrangimento, ignorância etc). E é na infância que surgem as primeiras perguntas sobre sexo, vagina, pênis e filhos.
05/04/2016 11:10 -03
Por mais beijos roubados e corações mantidos

Por mais beijos roubados e corações mantidos reféns

Almas solitárias em um universo caótico. O amor transborda e transcende, nos furta o sono nas noites de inverno e cria hipóteses absurdas nas quais facilmente acreditamos. Não há para onde correr e nem para quem reportar. Somos, ao mesmo tempo, a vítima e o suspeito. Duas faces de uma mesma moeda - ou uma das múltiplas variáveis de uma roleta russa.
26/03/2016 22:03 -03
Como nasce um

Como nasce um idiota?

Idiotas são como baratas: aparecem em momentos inconvenientes, causam algum desconforto e nunca são eliminados por completo. Existe uma lenda popular de que as baratas são capazes de sobreviver a uma explosão nuclear. Estou inclinado a acreditar que os idiotas são de longe os mais preparados para tal eventualidade.
26/03/2016 21:58 -03
Os dois homens mais semelhantes de

Os dois homens mais semelhantes de 2015

O que Frank e Cunha compartilham? Sede de poder. Ganância. Habilidade para contornar situações adversas. Influência sobre outras pessoas. Forte rede de contatos (operando nas sombras).
30/12/2015 12:41 -02
A universidade está matando a nossa

A universidade está matando a nossa criatividade

O Enem se aproxima e, como veremos, a história se repete: atrasos, tumulto, correria, algumas pérolas -- como receita de Miojo na redação (estou curioso para saber o que teremos dessa vez).
23/10/2015 13:21 -02
Crescer não significa parar de

Crescer não significa parar de sonhar

Crescer não faz de nós pequenos fantoches bobões e sem sentimentos, sem loucuras, sonhos, medos e insegurança. Adultos sofrem e choram e amam e se ferram em relacionamentos.
01/10/2015 20:29 -03
O problema dos escritores:

O problema dos escritores: escrever

Escrever não é tarefa fácil. Demanda esforço, paciência, treino e teimosia. Às vezes a história enguiça lá pela página quarenta e parece inevitável declarar falência de ideias. Perde-se tudo. Ser escritor não é mamata. Para muitos é trampo, independe de inspiração, de álcool e boemia. O escritor drogado é mero mito. A figura real é cópia do cidadão comum, mais um na multidão da heterogeneidade.
23/07/2015 19:07 -03