profile image

Michele Müller

Pesquisadora e especialista em neurociência clínica

Michele Müller escreve sobre neurociências, educação e saúde mental, pesquisa e cria estratégias para fluência na leitura e compreensão da linguagem e desenvolve cursos na área de neuroeducação. Seu site é www.michelemuller.com.br
Quando o autismo se manifesta de forma diferente em

Quando o autismo se manifesta de forma diferente em meninas

A boa notícia é que o assunto emergiu com força e grande repercussão. Hoje, diversos pesquisadores ao redor do mundo, inclusive mulheres com autismo funcional e pais de meninas com o mesmo diagnóstico, estão determinados a desvendar o cérebro autista feminino. Essa nova perspectiva irá facilitar, muito em breve, identificação precoce e, assim, tratamentos mais eficazes e dirigidos às necessidades específicas das meninas.
13/10/2016 18:04 -03
Playgrounds são assunto

Playgrounds são assunto sério

A necessidade de oferecer ambientes atraentes e repletos de estímulos em espaços públicos é evidente em vários locais do mundo. Em muitos outros países, a comunidade têm à disposição parquinhos desenvolvidos por arquitetos especializados nesse setor. Alguns são tão criativos e irresistíveis que dá vontade de voltar a ser criança para aproveitar a estrutura.
09/09/2016 11:42 -03
Estamos caminhando para a medicalização dos problemas

Estamos caminhando para a medicalização dos problemas cotidianos

Qualquer mudança no manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais (DSM), referência mundial da psiquiatria, pode tirar milhões de pessoas do campo da normalidade. Consciente disso, o psiquiatra americano Allen Frances, líder da equipe que elaborou a redação da quarta e mais importante revisão da publicação, recusou praticamente todas as sugestões de transtornos a serem incluídos no manual, lançado em 1994. Mas com relação ao déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), achou pertinente afrouxar um pouco os critérios para facilitar sua identificação entre as meninas.
21/06/2016 11:51 -03
Voltando ao

Voltando ao Normal

Lançado em 2013 nos Estados Unidos, <em>Voltando ao Normal</em> é o que o autor Allen Frances define de uma revolta contra o descontrole dos diagnósticos psiquiátricos, o DSM-5, a indústria farmacêutica e a medicalização da vida cotidiana. Não se trata de um desabafo qualquer. É feito por quem já esteve do outro lado - fez parte da construção do sistema de diagnóstico, ao assumir a frente da redação do DSM-IV e acompanhou de perto as investidas da indústria para conquistar e até comprar médicos e enganar pacientes.
21/06/2016 11:50 -03
O privilégio que é crescer em um ambiente

O privilégio que é crescer em um ambiente inclusivo

É a partir dessa perspectiva e do olhar para os interesses individuais que deve ser construído o desenvolvimento de todas as áreas deficitárias, inclusive emocional e social. Essa abordagem humana e verdadeiramente inclusiva envolve profissionais comprometidos, uma escola que acredita no potencial de cada um e abraça a diversidade e colegas educados com os valores necessários para deixar este mundo um lugar cada vez melhor para se viver.
01/06/2016 19:02 -03