NOTÍCIAS
04/01/2019 12:07 -02 | Atualizado 04/01/2019 12:07 -02

Bolsonaro cobra compromisso dos 3 poderes para ações das forças de segurança

Pelo Twitter, presidente diz que são necessárias garantias para reduzir crimes na velocidade exigida pelos brasileiros.

Ricardo Moraes / Reuters
Jair Bolsonaro na posse de seu ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva.

O presidente Jair Bolsonaro cobrou nesta sexta-feira (4) que os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário assumam "urgentemente" o compromisso de dar garantias aos agentes das forças de segurança para que possam trabalhar na redução da criminalidade.

Bolsonaro prometeu durante a campanha adotar o chamado excludente de ilicitude para operações de segurança pública contra o crime, alegando ser necessário dar os meios para os soldados combaterem.

Pelo excludente de ilicitude, um policial em combate poderia matar sem ser punido. Seria, portanto, uma exceção no cumprimento do Código Penal.

O presidente chegou a defender o uso das Forças Armadas para o patrulhamento de rotina das cidades, caso consiga aprovar no Congresso excludentes de ilicitudes para isso.