ENTRETENIMENTO
03/12/2018 17:17 -02 | Atualizado 04/12/2018 15:02 -02

Os 10 melhores filmes de 2018

Drama mexicano, thriller coreano, terror americano, comédia inglesa… 2018 foi um ano incrível no cinema!

"Roma", "Pantera Negra" e "A Favorita" fazem parte de nossa seleção dos 10 melhores filmes de 2018.
Montagem/Divulgação
"Roma", "Pantera Negra" e "A Favorita" fazem parte de nossa seleção dos 10 melhores filmes de 2018.

O final do ano está chegando, e com ele, as listas! Chance para ver se você está em dia com o que de melhor rolou neste ano. Nesse caso, no cinema, serviços de streaming e afins. O HuffPost elaborou uma lista com os 10 melhores filmes de 2018.

Drama mexicano, thriller coreano, terror americano, comédia inglesa... 2018 foi um ano bem forte em termos de variedade e qualidade da produção cinematográfica mundial.

Isso sem falar da Netflix, que entrou com tudo nessa briga, apostando em produções próprias comandadas por diretores premiados.

Acompanhe a nossa lista e nossos argumentos. Na caixa dos comentários, aponte seus preferidos — e se você achou nosso ranking justo.

10. Eighth Grade

Sinopse: No último ano do ensino fundamental, a adolescente Kayla (Elsie Fisher) tenta ser mais popular na escola, mas fracassa miseravelmente em todas as suas tentativas.

Por que assistir: Voz original da pequenina Agnes, da franquia de animação Meu Malvado Favorito, a atriz Elsie Fisher chega a assustar de tão convincente que é no papel de uma tímida garota de 13 anos que sofre para se enturmar entre seus pares. Poucas vezes um filme conseguiu encapsular tão bem as angústias do adolescente real e não aquele ser de ficção retratado na maioria dos filmes teens que aparecem por aí.


9. First Reformed

Sinopse: Descrente com suas convicções religiosas desde que seu filho morreu, o ex-capelão Toller (Ethan Hawke) passa seus dias aconselhando os fiéis da pequena e histórica paróquia que assumiu como pastor. Um dia, uma jovem paroquiana, Mary (Amanda Seyfried), pede ajuda. Seu marido é um ambientalista radical que parece cada vez mais abalado com a situação do planeta.

Por que assistir: Poucos diretores podem reclamar o título de "maldito" como Paul Schrader. Roteirista do clássico Taxi Driver, Schrader tem uma história pessoal e professional cheia de excentricidades. Nadando contra a correnteza dos grandes estúdios, ele já produziu sozinho grande bombas e imensos acertos, como é o caso deste No Coração da Escuridão. Você pode ser fã ou não de Schrader, mas uma coisa é certa: esse filme não deixa ninguém indiferente. Além disso, essa é a melhor atuação de Ethan Hawke em anos.


8. Hereditário

Sinopse: Annie (Toni Collette) se surpreende ao ficar abalada com a morte de sua mãe, com quem nunca se deu bem. Mas logo ela enfrentará algo muito pior pela frente quando uma grande tragédia atinge a família. Totalmente destruída com o ocorrido, Annie vai buscar auxílio em um grupo de ajuda e lá conhece Joan (Ann Dowd), que mostra a ela algo que vai mudar sua visão sobre a realidade.

Por que assistir: Atualmente, o terror passa por um fase das mais criativas, e Hereditário é a prova mais recente disso. Aqui, o drama familiar é tão aterrorizante quanto elementos sobrenaturais. E Toni Collette está excelente no papel de Annie.


7. Pantera Negra

Sinopse: Recém-empossado rei de Wakanda, uma nação africana escondida do resto do mundo, T'Chaka (John Kani) conta com a ajuda de Okoye (Danai Gurira), sua irmã Shuri (Letitia Wright) e Nakia (Lupita Nyong'o) para capturar Ulysses Klaue (Andy Serkis), mercenário que roubou do reino um punhado de vibranium, um poderoso elemento que fez de Wakanda uma potência tecnológica. Porém, o que eles ainda não sabem é que Klaue não é seu inimigo mais poderoso, mas alguém com um passado ligado a Wakanda.

Por que assistir:Pantera Negra é um marco dos filmes de super-heróis. Ele supriu uma imensa lacuna de identidade afro que nunca esteve presente nesse gênero tão popular. Além desse importante papel cultural, o filme traz uma ótima aventura com personagens que fogem dos estereótipos tão comuns nesse tipo de produção.


6. Infiltrado na Klan

Sinopse: O policial negro Ron Stallworth (John David Washington) chega a uma cidadezinha no Colorado em 1978 para ser o primeiro policial negro local. Depois de um tempo engolindo sapos no almoxarifado, ele é transferido para a área de inteligência, quando, intrigado com um anúncio no jornal, liga para a sede local da Ku Klux Klan e se associa à sociedade secreta. Por razões óbvias, ele só consegue conversar com os integrantes da KKK por telefone. E é aí que entra seu parceiro branco de origem judia, Flip Zimmerman (Adam Driver), que será o elo físico entre Ron e o grupo racista.

Por que assistir: Spike Lee acerta em cheio ao atacar todos os símbolos do racismo na América sem medo de confrontar gigantes. De ...E o Vento Levou a Donald Trump, a metralhadora giratória do diretor dispara sem piedade, misturando com maestria o humor e a revolta em um mesmo coquetel explosivo.

5. Guerra Fria

Sinopse: Na Polônia dos anos 1950, o músico, arranjador e maestro Wiktor (Tomasz Kot) seleciona jovens para uma produção com músicas e danças tradicionais polonesas. Ele acaba se apaixonando por uma das selecionadas, a imprevisível Zula (Joanna Kulig). Em uma excursão por Berlim Oriental, o casal resolve fugir da Cortina de Ferro, mas Zula não aparece e Wiktor acaba em Paris. Mesmo com o passar do tempo e as dificuldades por estarem em blocos políticos distintos, Wiktor e Zula vivem uma relação cheia de paixão, decepções, encontros e desencontros.

Por que assistir:Guerra Fria, do polonês Pawel Pawlikowski, é um deleite paras os olhos e ouvidos. Algo que o próprio cineasta já havia mostrado em Ida, filme com o qual venceu o Oscar de Filme Estrangeiro em 2014. As apresentações do coral liderados pela atriz e cantora Joanna Kulig são lindas. Isso sem falar da performance selvagem da própria Kulig.

4. A Favorita

Sinopse: Sob o reinado de Ana (Olivia Colman), a Inglaterra está perto de terminar uma guerra contra a França, em 1713. Porém, a rainha precisa tomar uma decisão importante: fazer um acordo de paz ou dar um golpe de misericórdia contra a nação inimiga. A segunda opção é a escolha da Duquesa de Marlborough (Rachel Weisz), conselheira que controla a rainha. Mas tudo muda com a chegada de Abigail (Emma Stone), uma ambiciosa criada de origem nobre que quer tomar o lugar da Duquesa.

Por que assistir: O trio formado por Olivia Colman, Rachel Weisz e Emma Stone está simplesmente espetacular nessa comédia de costumes ácida e cruel do diretor grego Yorgos Lanthimos.

3. Assunto de Família

Sinopse: Osamu (Lily Franky) e sua mulher Nobuyo (Sakura Andô) vivem de bicos e pequenos furtos para sustentar sua pobre porém feliz família, formada por eles, a vovó Hatsue (Kirin Kiki), a adolescente Aki (Mayu Matsuoka) e o menino Shota (Kairi Jyo). Em um fim de tarde muito frio, depois de um furto a um mercado, Osamu e Shota encontram a pequena Juri (Miyu Sasaki) abandonada do lado de fora de sua casa. Eles resolvem levá-la para passar a noite com eles, mas a família se afeiçoa à menina e acaba adotando a pequena. Com o passar do tempo, um incidente acaba revelando os segredos obscuros daquele estranho núcleo familiar.

Por que assistir: Vencedor da Palma de Ouro de 2018, o prêmio máximo do prestigiado Festival de Cannes, o filme apresenta o olhar singelo e cirúrgico sobre as relações humanas que faz do diretor japonês Hirokazu Koreeda um dos grandes cineastas da atualidade.

2. Em Chamas

Sinopse: Vivendo entre a pequena fazenda de seu pai e bicos na cidade grande, o aspirante a escritor Jong-soo (Yoo Ah-In) acaba reencontrando sem querer uma amiga de infância, Hae-mi (Jeon Jong-seo). Os dois saem juntos e ela pede para ele tomar conta de seu gato enquanto ela faz uma viagem para a África. Pouco antes do embarque, os dois acabam transando na casa dela. Poucos dias depois, ela liga e pede para que ele a busque no aeroporto. Porém, o empolgado Jong-soo acaba ficando confuso ao ver Hae-mi junto com Ben (Steven Yeun), um jovem misterioso que ela conheceu em sua viagem. A partir daí inicia-se um triângulo amoroso esquisito.

Por que assistir: Baseado em um conto do sempre instigante escritor japonês Haruki Murakami, o filme do coreano Lee Chang-dong é um dos favoritos ao disputadíssimo Oscar de Filme Estrangeiro em 2019. Uma curiosidade para fãs de séries: Steven Yeun, o Glenn de The Walking Dead, volta à Coreia do Sul, sua terra natal, após muitos anos nos EUA para atuar em sua língua materna.

1. Roma

Sinopse: A jovem Cleo (Yalitza Aparicio) trabalha como empregada na casa de uma família de classe média alta no bairro de Roma, na Cidade do México, em 1970. O pai da família deixa a casa com sua mulher e quatro filhos para viver um novo amor, causando uma série de situações que afetarão drasticamente a vida de todos que vivem lá.

Por que assistir:Grande aposta da Netflix para conquistar um Oscar, o filme dirigido pelo premiado diretor mexicano Alfonso Cuarón já conquistou um prêmio de respeito, o Leão de Ouro do Festival de Veneza. Pena que pouca gente terá a oportunidade de ver essa verdadeira maravilha técnica no cinema, já que a rede de streaming vai exibi-lo em poucas salas no mundo. Na Netflix, o filme será lançado no dia 14 de dezembro.