COMIDA
28/11/2018 16:02 -02 | Atualizado 28/11/2018 16:21 -02

Comer couve crua não faz nada bem para a sua saúde

Segundo estudo americano, jeito errado de comer o vegetal pode afetar o funcionamento da tireoide.

bhofack2 via Getty Images

Couve é, sem dúvida, um vegetal saudável, rico em cálcio, fósforo, vitaminas e minerais. Mas, comê-la crua pode fazer mal à saúde. Segundo um estudo da Universidade Estadual de Oregon, nos Estados Unidos, comer couve crua pode suprimir a produção do hormônio da tireoide responsável por regular seu metabolismo.

Segundo o estudo, o vegetal contém progoitrina, um composto que pode interferir na síntese de hormônios da tireoide. O consumo exagerado do crucífero cru pode suprimir a atividade da tireóide e aumentar o risco de bócio (aumento do volume da glândula tireoide).

As irregularidades hormonais, que causam inchaço, aumento de peso e até flutuações nos níveis de açúcar no sangue, foram detectadas na ingestão do vegetal cru em grande quantidade. Em menores quantidades, o efeito desaparece e a tireoide permanece ilesa.

O alerta dos cientistas é para apenas pessoas que têm um gosto particular por crucíferos crus. Em 2010, por exemplo, uma chinesa de 88 anos entrou em coma por causa de uma disfunção causada pelo vegetal: ela comia cerca de 1,5 kg todos os dias por meses, em um esforço para evitar diabetes.

Excessos a parte, a couve é um vegetal saudável que pode ser consumido diariamente. Couve é rica em vitamina C, A e B6, fibras, magnésio, cálcio, ferro e fósforo. Ela também é um excelente remédio natural para cálculos renais, artrite, bronquite e ajuda na cura de úlceras estomacais.

A ingestão ideal de vegetais, segundo nutricionistas americanos, é de 2 xícaras e meia por dia, em uma dieta de 2.000 calorias. Também é recomendável diversificar a dieta com folhas verdes, escuras, vermelhas, legumes, entre outros vegetais.