POLÍTICA
22/11/2018 22:11 -02 | Atualizado 22/11/2018 22:33 -02

Bolsonaro anuncia professor de escola do Estado-Maior do Exército como ministro da Educação

Ricardo Vélez-Rodríguez será ministro após impasse na escolha de nome da pasta.

Reprodução/YouTube
Ricardo Vélez-Rodríguez é anunciado como ministro da Educação de Bolsonaro.

(Reuters) O presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou nesta quinta-feira (22) que o professor emérito da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército Ricardo Vélez-Rodríguez será o ministro da Educação em seu governo.

Em publicação no Twitter, Bolsonaro disse que Rodriguez é professor de Filosofia e mestre em Pensamento Brasileiro pela PUC-RJ.

Segundo Bolsonaro, o futuro ministro tem "ampla experiência docente e gestora".

Mais cedo, o procurador da República Guilherme Schelb, enfático defensor da Escola sem Partido, havia se reunido com o presidente eleito. Schelb foi cotado para ministério, após a bancada evangélica criticar o nome do diretor do Instituto Ayrton Senna, Mozart Neves Ramos, que estaria sendo sondado para a pasta. Mozart Ramos não compartilha da defesa da Escola sem Partido.

Depois da reunião com Bolsonaro, Schelb desconversou sobre convite para o Ministério. "Eu só me manifesto diante de um convite concreto", disse.