POLÍTICA
20/11/2018 14:30 -02 | Atualizado 21/11/2018 08:23 -02

Moro anuncia Maurício Valeixo como novo diretor-geral da Polícia Federal

"Sempre falei que seria um tolo se não aproveitasse pessoas de qualidade que trabalharam comigo", disse futuro ministro da Justiça.

"Eu sempre falei que seria um tolo se não aproveitasse pessoas de qualidade que trabalharam comigo", disse Moro ao anunciar os primeiros nomes da sua equipe.
Rafael Carvalho - Governo de Transição
"Eu sempre falei que seria um tolo se não aproveitasse pessoas de qualidade que trabalharam comigo", disse Moro ao anunciar os primeiros nomes da sua equipe.

BRASÍLIA (Reuters) - O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, indicou nesta terça-feira o delegado Maurício Valeixo para a direção geral da Polícia Federal e a delegada Érika Marena para a chefia do Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional do Ministério da Justiça.

Valeixo é atualmente superintendente da Polícia Federal no Paraná e substituirá Rogério Galoro. Valeixo e Érika já fazem parte atualmente da equipe de transição do governo de Jair Bolsonaro.

"Eu sempre falei que seria um tolo se não aproveitasse pessoas de qualidade que trabalharam comigo", disse Moro ao anunciar os primeiros nomes da sua equipe.

Valeixo é responsável hoje pelas ações da operação Lava Jato em Curitiba. Já foi diretor de inteligência do órgão e diretor do departamento de combate ao crime organizado.

Marena participou de parte do início das investigações da operação Lava Jato e foi a responsável pela operação Ouvidos Moucos, que ficou marcada pelo suicídio do reitor da Universidade Federal de Santa Catarina, Luiz Carlos Cancillier de Olivo, três meses depois de ter sido preso na operação.

(Por Lisandra Paraguassu)