ENTRETENIMENTO
16/11/2018 12:49 -02 | Atualizado 16/11/2018 15:22 -02

Grammy Latino 2018: A vitória de Hermeto Pascoal e a (discreta) participação do Brasil na premiação

Mesmo com Anitta e Chico Buarque entre os concorrentes, apenas Hermeto Pascoal leva um prêmio em uma categoria geral.

Hermeto Pascoal foi único artista brasileiro premiado em categorias gerais do 19º Grammy Latino.
Robin Little via Getty Images
Hermeto Pascoal foi único artista brasileiro premiado em categorias gerais do 19º Grammy Latino.

Após 19 edições do Grammy Latino, o Brasil segue sem vencer nas principais categorias do prêmio. As estrelas da cerimônia de entrega realizada nesta quinta (15) no MGM Grand Garden, em Las Vegas (EUA), foram o mexicano Luis Miguel e o uruguaio Jorge Drexler. O primeiro levou o prêmio de Álbum do Ano com ¡México por Siempre!, e o segundo o de Música do Ano com Salvavidas de Hielo.

Veja aqui o clipe da música Salvavidas de Hielo:

Segundo o site G1, Hermeto Pascoal foi o único brasileiro que saiu com algum prêmio nas categorias gerais. O multi-instrumentista alagoano sagrou-se vencedor do Melhor Álbum de Jazz Latino com Natureza Universal (ouça o disco no player abaixo).

Além dele, Anitta e Chico Buarque concorreram a prêmios gerais, mas não levaram. A diva pop concorreu em Melhor Canção Urbana com Downtown e Melhor Fusão/Interpretação Urbana com Sua Cara. Ela perdeu, respectivamente, para o porto-riquenho Daddy Yankee, com Dura; e para a espanhola Rosalía, com Malamente.

Estreante do Grammy Latino, Anitta apresentou o prêmio de Melhor Álbum de Salsa ao lado do cantor country americano Kane Brown. O vencedor do troféu foi o americano Víctor Manuelle.

Chris Pizzello/Invision/AP

Já Chico Buarque foi derrotado por Luis Miguel. O cantor e compositor carioca, um dos maiores nomes da MPB, concorreu a Melhor Álbum do Ano com Caravanas.

Escute aqui o disco ¡México por Siempre!, de Luis Miguel:

Prêmios para língua portuguesa

Sem brilhar nas categorias gerais, os artistas brasileiros acabaram conquistando apenas prêmios voltados à língua portuguesa. Entre os vencedores estão: Chico Buarque, com Caravanas (Melhor Álbum de MPB); Maria Rita, com Amor e Música (Melhor Álbum de Samba/Pagode); Anaadi, com Noturno (Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa); Lenine, com Lenine em Trânsito (Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa em Língua Portuguesa); Chitãozinho & Xororó, com Elas em Evidência (Melhor Álbum de Música Sertaneja); Almir Sater & Renato Teixeira, com +AR (Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa); e Fernanda Brum, com Som da Minha Vida (Melhor Álbum Cristão em Português).

IZA manda bem ao vivo

Se não conseguiu se destacar muito entre os prêmios, o Brasil, pelo menos, ficou em evidência com a apresentação de IZA. De acordo com o site Papel Pop, a cantora carioca participou de uma homenagem à banda Mexicana Maná. Acompanhada pelos colombianos do Piso 21, IZA interpretou a música Hechicera (1997) e foi aplaudida de pé pelo público que lotou o MGM Grand Garden.

Veja aqui a apresentação de IZA na festa do Grammy Latino: